1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Scott Walker anuncia pré-candidatura à Casa Branca

Um dos favoritos, governador do Wisconsin é o 15° republicano a entrar na disputa. Ele ganhou fama em 2011, quando provocou a ira de sindicatos ao tentar reduzir direitos trabalhistas de funcionários públicos.

As prévias do Partido Republicano para as eleições presidenciais americanas de 2016 ganharam mais um concorrente. Nesta segunda-feira (13/07), o governador do Wisconsin, Scott Walker, de 47 anos, anunciou a sua pré-candidatura. Ele é o 15° republicano a declarar sua intenção de concorrer à Casa Branca.

"Eu estou dentro. Eu vou concorrer à Presidência porque os americanos merecem um líder que vá lutar e ganhar por eles", escreveu em seu perfil no Twitter.

Walker está entre os favoritos do partido para disputar a Casa Branca. Segundo pesquisas de intenção de voto do site Real Clear Politics, ele aparece em segundo lugar entre os pré-candidatos republicanos, perdendo somente para o ex-governador da Flórida

Jeb Bush

.

Governo polêmico

Walker é conhecido por seu conservadorismo. O governador do Wisconsin aprovou uma série de reformas polêmicas em seu estado, incluindo redução de impostos, endurecimento das leis sobre o aborto e tornou voluntário o pagamento de taxas sindicais.

"Eu sou conservador porque acredito em um governo menor, em menos impostos e em mercado livre, que ajudariam empresas a terem sucesso e contratarem", afirmou o candidato.

Walker ganhou fama em 2011, quando seu plano para reduzir direitos trabalhistas de funcionários públicos causou a ira dos sindicatos.

O governador pretendia diminuir o poder dos sindicatos, além de aumentar os valores pagos em planos de saúde e aposentadoria por funcionários estaduais. Para defender os direitos dos trabalhadores, as centrais sindicais organizaram diversos protestos na capital do estado, Madison. As manifestações reuniram mais de 100 mil pessoas em frente à sede do governo.

Walker também é conhecido por sua vida simples. Ele é visto, com frequência, por exemplo, cortando a grama na frente da casa de seus pais, ou em estádios assistindo a jogos, torcendo e conversando com outros torcedores. Ele se junta à lista republicana que contém nomes como Ted Cruz, Marco Rubio e

Donald Trump

.

Pré-candidatos republicanos para 2016:

- Jeb Bush, ex-governador da Flórida
- Ben Carson, neurocirurgião aposentado de Detroit
- Chris Christie, governador de Nova Jersey
- Ted Cruz, senador do Texas
- Carly Fiorina, ex-executiva-chefe da Hewlett-Packard
- Lindsey Graham, senador da Carolina do Sul
- Mike Huckabee, ex-governador do Arkansas
- Bobby Jindal, governador da Luisiana
- George Pataki, ex-governador de Nova York
- Rand Paul, senador de Kentucky
- Rick Perry, ex-governador do Texas
- Marco Rubio, senador da Flórida
- Rick Santorum, ex-senador da Pensilvânia
- Donald Trump, magnata do setor imobiliário
- Scott Walker, governador do Wisconsin

CN/afp/dpa

Leia mais