1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Schumacher não conta com vitória antecipada

Apesar de ser o líder do campeonato de F-1, Michael Schumacher prefere não apostar na conquista do título antes do fim da temporada.

default

Michael Schumacher (d) e Rubens Barrichello, da Ferrari, comemoram a vitória em Imola

"A temporada ainda é longa e devemos pensar em uma corrida atrás da outra", declarou o piloto da Ferrari, Michael Schumacher, em Istambul, Turquia, na segunda-feira (22), durante uma coletiva de imprensa realizada após visita a uma fábrica da Fiat.

Schumacher conta com uma legião de fãs em todo o mundo. Na Turquia ele foi recebido como grande astro no aeroporto, sendo ovacionado pelos passantes. O piloto alemão confirmou sua satisfação com a vitória em Imola, mas deixou claro que não pretende relaxar só porque é o atual líder do campeonato, com 14 pontos de vantagem.

"Claro que a corrida de Imola foi maravilhosa. Mas logo que uma etapa é vencida, começo automaticamente a pensar no próximo desafio. Por isso não sobra muito tempo para comemorar cada vitória."

Cautela - Embora a Ferrari seja a favorita para o GP da Espanha, Schumacher prefere optar pela cautela. "Temos que ser comedidos com os prognósticos", afirmou, sem entretanto deixar de elogiar sua escuderia.

Esta temporada está sendo especial para Schumacher e a Ferrari, com três vitórias em apenas quatro corridas. O alemão de 33 anos disse, entretanto, que tais conquistas não atenuaram sua garra e disposição: "É preciso sempre estar concentrado no objetivo final. E é exatamente isso que fazemos".

Orgulho - Tais observações não impedem que o piloto alemão tenha orgulho de seu atual desempenho. "Eu tenho oito pontos a mais nesta etapa em comparação com o mesmo período do ano passado. E é lógico que me alegro muito por isso", resumiu Schumacher, que no próximo domingo (28) estará correndo no circuito de Barcelona.