1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Schumacher está em coma após acidente de esqui

Ex-piloto de Fórmula 1 foi internado com traumatismo craniano após sofrer um acidente de esqui. Ele passou por uma operação de emergência na cabeça e está em estado grave.

O ex-piloto de Fórmula 1 Michael Schumacher, sete vezes campeão mundial da categoria, está em "estado crítico" depois de um acidente neste domingo (29/12), quando esquiava na localidade de Méribel, nos Alpes franceses.

O alemão, de 44 anos, sofreu uma queda no final da manhã, ao esquiar numa área fora da pista, juntamente com seu filho de 14 anos. Embora estivesse usando capacete, o ex-piloto sofreu uma grave lesão cerebral traumática, ao bater a cabeça em uma pedra.

Quando os serviços de emergência chegaram, a vítima ainda estava consciente. Mas sua condição se deteriorou rapidamente.

Schumacher foi inicialmente levado para um hospital em Albertville-Moutiers. De lá, foi transferido, uma hora depois, de helicóptero, para o Hospital Universitário de Grenoble, onde foi submetido a uma cirurgia de emergência, devido a uma hemorragia cerebral.

Durante a madrugada, torcedores da escuderia Ferrari e fãs de Schumacher se reuniram defronte ao hospital. O ex-piloto de Fórmula 1 Olivier Panis esteve no hospital e disse que estava "preocupado" com a saúde de seu amigo.

O piloto brasileiro Felipe Massa desejou através do portal Instagram que Schumacher tenha uma "rápida recuperação". "Estou rezando para Deus te proteger, irmão!", acrescentou.

O atual campeão mundial de Fórmula 1, Sebastian Vettel, reagiu consternado à notícia do grave acidente de esqui de Michael Schumacher. "Na Fórmula 1, Michael era como um pai para mim. Ele esteve comigo em todas as fases da minha carreira (e continuará a estar)", escreveu o alemão nesta segunda-feira, no portal Twitter.

MD/afp/efe

Leia mais