1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Schumacher é o mais rápido, depois do treino

Tetracampeão foi o primeiro piloto a sentar-se diante de um televisor para acompanhar a vitória alemã sobre os EUA na Copa do Mundo. Nos treinos livres para o GP da Europa, Coulthard ficou a sua frente.

default

Rubinho exibiu orgulhoso a camisa brasileira em Nürburgring

Michael Schumacher conseguiu nesta sexta-feira algo que nem ele imaginava. Sentar-se à frente de um televisor em seu motorhome ainda antes do intervalo da partida de quartas-de-final da Copa do Mundo, entre a Alemanha e EUA. Com o segundo melhor tempo nos treinos livres para o Grande Prêmio da Europa, no circuito alemão Nürburgring, o tetracampeão mundial correu logo após sair de sua Ferrari para acompanhar o desempenho do time de Rudi Völler em Ulsan (Coréia do Sul).

Foi tão rápido que ainda viu o gol de Ballack, aos 38 minutos do primeiro tempo, menos de dez após o fim do treino. A vitória de 1 a 0 sobre os americanos deixou Schumacher confiante nas chances de Kahn, Ballack & Cia. levarem a Alemanha no futebol ao tetracampeonato, título que ele já possui na Fórmula-1. "Gostei do gol. Ao fim, bastou. Esporte é assim", disse o piloto da Ferrari.

Brasileiros radiantes – Tão ou mais feliz que ele estavam os brasileiros Rubens Barrichello e Felipe Massa, graças ao fato de a seleção de Luís Felipe Scolari ter jogado mais cedo. Os dois chegaram para os treinos da manhã trajando camisas canarinhos com o número 10, posaram para fotos sorridentes e não as tiraram nem na hora de colocar os macacões de suas equipes e entrarem nos carros. Já o inglês Bernie Ecclestone, promotor da F-1, saiu mudo do ônibus da Ferrari, onde assistiu à derrota de seu país para o Brasil.

Ao contrário do alemão tetracampeão e fanático por futebol, Nick Heidfeld e Heinz-Harald Frentzen tiveram de dar entrevistas antes de procurar uma tevê. Viram apenas o final da partida e ficaram satisfeitos com a classificação. Já Ralf Schumacher, nem isso. Completamente desinteressado – "acho futebol monótono" –, o irmão de Michael nem se preocupou com a partida na Coréia. Quando muito, assistirá a final, diz ele.

Melhores tempos – Na pista com novo trajeto de Nürburgring, o escocês David Coulthard, da McLaren-Mercedes, foi o mais rápido do dia, apenas 0,155 segundo à frente de Michael Schumacher. O finlandês Kimi Raikkonen, também da McLaren-Mercedes, fez o terceiro melhor tempo, e Barrichello, o quarto, com sua Ferrari.

A grande decepção coube às Williams-BMW, que parecem estar perdendo terreno para as McLaren. O alemão Ralf Schumacher e o colombiano Juan Pablo Montoya foram apenas os quinto e sexto mais velozes.

Os treinos de classificação para a largada no domingo serão neste sábado.

Leia mais