1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Schröder propõe programa europeu para dinamizar a indústria

Chanceler federal alemão discutiu com a Comissão Européia planos para uma nova lei de absorções e fusões empresariais.

default

Chanceler Schröder busca compreensão da UE para política industrial alemã

O chanceler federal alemão Gerhard Schröder, defende um programa a nível de União Européia, destinado a dinamizar e modernizar a indústria como "motor do crescimento" do bloco econômico. Foi o que disse o chefe do governo alemão, pouco antes do encontro, nesta terça-feira (29), com integrantes do braço executivo da UE, em Bruxelas.

Schröder jantou num restaurante da capital belga com o presidente da Comissão Européia, Romano Prodi, além de quatro comissários europeus: Mario Monti (Assuntos de Concorrência), Frits Bolkestein (Mercado Interno), Erkki Liikanen (Indústria) e Margot Wallström (Meio Ambiente). Decisões concretas não eram esperadas do encontro. O chanceler alemão pretendeu, sobretudo, buscar maior compreensão da UE para a política industrial alemã.

"Nosso objetivo é melhorar as condições da política industrial tanto a nível nacional quanto de UE, com um profundo programa de modernização", declarou Schröder ao jornal Financial Times Deutschland. "A meta é transformar a Europa, até o final desta década, no mercado econômico mais dinâmico do mundo", acrescentou.

O chanceler alemão acredita que esse propósito só pode ser realizado com uma política coordenada entre os países-membros da UE, "visto que, em sentido restrito, não se pode mais falar de economia alemã, francesa ou sueca".