1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Schröder apóia permanência da ISAF em Cabul

Durante a sua visita ao Afeganistão, nesta quinta-feira (09/05), o chanceler federal alemão Gerhard Schröder manifestou-se a favor de uma prorrogação do mandato da Força Internacional de Segurança (ISAF).

default

Chanceler Gerhard Schröder (esq.) e Hamid Karzai, chefe de governo interino do Afeganistão

Após as suas conversações com o chefe do governo provisório do Afeganistão, Hamid Karsai, o chanceler Gerhard Schröder fez um apelo à comunidade internacional, no sentido de que sejam liberados o mais rápido possível os recursos de ajuda ao país asiático, inteiramente destruído pela guerra.

Schröder afirmou compartilhar a opinião de Hamid Karsai, de que as tropas internacionais devem permanecer em Cabul mais tempo que o previsto inicialmente: "Quando se vê o quanto ainda há para ser feito aqui, não se pode recusar o pedido." Sobre a duração do mandato adicional, quem deve decidir, porém, é a ONU. A reivindicação do chefe de governo do Afeganistão, de que a atuação das tropas seja estendida a outras partes do país, foi rechaçada por Gerhard Schröder. Segundo ele, isto superaria as possibilidades do governo de Berlim.

Forças Armadas do Afeganistão

Na opinião de Hamid Karsai, a duração do mandato da ISAF deveria ser determinada pelo tempo necessário para a constituição e treinamento de Forças Armadas regulares no país. Só elas poderiam então assumir o papel que está sendo cumprido no momento pelos soldados das tropas internacionais.

Visando um aumento da segurança em Cabul, o governo alemão já destinou até agora cerca de 10 milhões de euros para a formação e treinamento de uma tropa policial de 25 mil homens, que estará pronta para entrar em ação dentro de pouco tempo.

Gerhard Schröder conclamou a comunidade internacional a não bloquear os recursos prometidos para reconstrução do país. Muitas instituições estão aguardando a formação do governo definitivo do Afeganistão, antes de liberar a ajuda financeira. Há, contudo, urgência na realização dos trabalhos de saneamento e de reconstrução da infra-estrutura. Do montante de 1,8 bilhão de dólares, prometido ao governo de Cabul, só foram liberadas até agora ajudas no valor aproximado de 90 milhões de dólares.

Visita às tropas

Offizieller Staatsbesuch von Bundeskanzler Gerhard Schröder in Afghanistan

Schröder visitou as tropas alemãs em Cabul

O programa da visita do chanceler Gerhard Schröder ao Afeganistão incluiu um encontro com os soldados alemães da ISAF, estacionados em Cabul. Além disso, o chefe do governo de Berlim visitou também uma escola feminina, financiada com recursos alemães.

Schröder viajou acompanhado por uma delegação econômica, constituída por dez empresários, assim como pelo presidente do clube de futebol Bayern de Munique, Franz Beckenbauer. Também o diretor-geral da Deutsche Welle, Erik Bettermann, faz parte da comitiva do chanceler. Na manhã desta quinta-feira, Bettermann assinou um acordo de cooperação com a Radio Television Afghanistan, que prevê a produção em Berlim de programas diários de tevê para o Afeganistão, em pachto e dari, os dois idiomas locais.

À noite (hora local), Gerhard Schröder seguiu viagem para o Usbequistão, onde se reunirá com o presidente Islam Karimov na sexta-feira.

Leia mais