1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Schalke e Bayern fazem a final da Copa da Alemanha

Time de Gelsenkirchen elimina o Werder Bremen nos pênaltis e bávaros superam o Arminia Bielefeld fora de casa. Decisão será em Berlim, no dia 28 de maio.

default

Final da Copa da Alemanha reúne os dois melhores times do país

A Copa da Alemanha reservou aos torcedores um duelo que promete revigorar a emoção do futebol no país esquecida com a disputa da Bundesliga, onde o Bayern de Munique lidera com folga em direção ao título.

Os virtuais campeões desta temporada podem erguer também o troféu da Copa da Alemanha (DFB Pokal). O time de Lúcio e Zé Roberto eliminou o Arminia Bielefeld com uma vitória por 2 a 0 fora de casa na noite de quarta-feira (20/4), e agora enfrenta o Schalke na decisão.

O clube de Lincoln, Bordon e Ailton passou pelo Werder Bremen na terça-feira, em Gelsenkirchen. Os rivais empataram por um gol no tempo normal, cada um marcou mais uma vez na prorrogação, e o Schalke levou a melhor nos pênaltis: 5 a 4.

A final da Copa da Alemanha está marcada para o dia 28 de maio, em Berlim. Dois títulos na temporada podem ser suficientes para o Bayern satisfazer a sua torcida após a eliminação na Liga dos Campeões, enquanto aos "azuis" do Schalke talvez seja a última oportunidade para comemorar na temporada 2004/2005.

Schalke

O Schalke conseguiu a sua classificação de maneira sofrida. O dinamarquês Ebbe Sand recebeu a bola dentro da área aos 19min do segundo tempo e inaugurou o placar a favor do time da casa.

Ailton Schalke 04

Brasileiro Ailton salvou o Schalke com gol no final da prorrogação

No final do confronto, o meia Ismael recebeu cruzamento e, de primeira, girou o corpo para surpreender o goleiro rival e empatar a partida. A decisão foi para a prorrogação, quando Borowski colocou os visitantes à frente. Ailton salvou o Schalke.

O canadense Paul Stalteri e o próprio Borowski desperdiçaram cobranças de pênaltis para o Werder; o holandês Niels Oude-Kamphuis e Ailton também não conseguiram converter para o Schalke. O herói da decisão foi o goleiro do Schalke, Rost (ex-Werder), que segurou três e marcou o gol decisivo.

Bayern

A chegada da equipe da Baviera à final não foi tão complicada quanto à do rival. Mesmo jogando fora de casa, o Bayern conseguiu impor o seu ritmo de jogo desde o começo do duelo com o Arminia Bielefeld.

DFB Pokal Fußball Bielefeld gegen Bayern München

Ballack (e) deu início à vitória do Bayern sobre o Arminia

Logo aos 3min do primeiro tempo, o meia Bastian Schweinsteiger cobrou escanteio e Michael Ballack subiu livre de marcação para fazer 1 a 0. O Arminia cresceu apoiado pela sua torcida, que lotou o estádio e obrigou Kahn a fazer grandes defesas.

Buckley, cinco minutos após o gol, invadiu a área sem marcação e só foi parado pelo goleiro do Bayern. Borges, antes do final da primeira etapa, emendou de cabeça uma cobrança de escanteio, mas mandou a bola pela linha de fundo.

Kahn continuou "salvando" a sua equipe no segundo tempo ao se esticar para defender chutes de longa distância de Markus Schuler, aos 14min, e mais tarde de Skela.

Os visitantes conseguiram ampliar a vantagem e definir a classificação à final nos acréscimos, aproveitando os espaços oferecidos pelo Arminia. O peruano Pizarro foi derrubado na área após um contra-ataque, e o holandês Makaay bateu o pênalti para fazer 2 a 0.

"Os dois times mais fortes chegaram à final", disse Michael Ballack logo após a partida.