1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Schalke é derrotado pelo Bayern e vê liderança ameaçada

Bávaros dão show em Munique e vencem o líder por 2 a 0. Werder Bremen empata com o Cottbus e desperdiça chance de voltar à liderança. Stuttgart supera Aachen e segue na luta pelo título.

default

Jogadores do Bayern celebram centésimo gol de Makaay (c) com a camisa do clube alemão

O Schalke não resistiu ao excelente futebol apresentado pelo Bayern de Munique e foi derrotado por 2 a 0 no Allianz Arena em partida realizada no último sábado (31/03) e válida pela 27ª rodada do Campeonato Alemão. Mesmo assim, a equipe de Gelsenkirchen se manteve na liderança do torneio, lugar que ocupa há oito rodadas.

Diante dos últimos resultados, a liderança do Schalke se deve mais à sorte do que ao merecimento: em seis jogos, a equipe somou apenas cinco pontos. "É pura sorte que ainda estejamos em primeiro lugar", reconheceu o técnico Mirko Slomka, após o jogo em Munique.

Para o Bayern, a vitória significou principalmente importantes três pontos na luta por uma vaga na Liga dos Campeões. Na quarta colocação, com 47 pontos, os bávaros estão apenas seis pontos atrás do líder, mas têm à sua frente o Werder Bremen (51 pontos) e o Stuttgart (49 pontos). A zona de classificação para a Liga dos Campeões engloba as três primeiras colocações.

Fußball-Bundesliga, 27. Spieltag, Bayern München - Schalke 04

Salihamidzic (d) chuta para marcar segundo gol do Bayern



Para chegar ao título, o Bayern teria não apenas que vencer os seus jogos como ainda torcer pelas derrotas de três equipes. "As nossas chances são muito pequenas", reconhece o diretor esportivo, Uli Hoeness.

Werder perde chance

Com a derrota do líder, o caminho estava aberto para o Werder Bremen reassumir a primeira colocação na tabela, mas a equipe de Diego e Naldo não conseguiu mais do que um empate sem gols diante do modesto Energie Cottbus. O empate refletiu um jogo ruim, no qual o destaque negativo foi o artilheiro Klose, que mais uma vez não marcou.

Fußball-Bundesliga, 27. Spieltag, Mainz 05 - Bayer Leverkusen

Bernd Schneider (d) cobra falta e marca o terceiro gol do Leverkusen

Com o resultado, o Werder deixou escapar a chance de voltar a ser líder e permanece na segunda colocação. Mas mantém as suas pretensões ao título. "Será uma disputa quente até o final", prevê o técnico Thomas Schaaf.

O Stuttgart, quarto aspirante ao título, também venceu e se manteve na zona de classificação para a Liga dos Campeões. "Espera-se pouco de nós. Talvez seja essa a nossa vantagem", avaliou o goleiro Timo Hildebrand após a partida. Mas o técnico Armin Veh não elege o título como prioridade. "Queremos garantir o terceiro lugar", disse.

O Stuttgart provou que sabe jogar – e vencer – sem a estrela Mario Gomez. A equipe derrotou o Alemannia Aachen por 3 a 1, gols dos atacantes Marco Streller, Benjamin Lauth e do brasileiro Cacau.

Kahn: nova polêmica

No mais aguardado jogo da rodada, o Bayern de Munique apresentou um futebol de luxo e não deu chances ao Schalke, que não teve uma única oportunidade de gol em toda a partida. O time de Munique começou arrasador: logo aos 3min, Roy Makaay, que está no clube desde 2003, marcou seu centésimo gol em jogos oficiais com a camisa do Bayern. Ele finalizou para as redes uma bela combinação entre Van Bommel e Schweinsteiger.

O segundo gol saiu de uma jogada de Lúcio, aos 33min do segundo tempo. O zagueiro brasileiro passou a bola para Salihamidzic, que chutou forte, de dentro da área. O placar poderia ter sido mais amplo, mas o ataque do Bayern parou nas excelentes defesas do goleiro Neuer, o melhor jogador em campo. Os demais jogadores do Schalke tiveram uma apresentação decepcionante.

Mas o momento mais polêmico da partida aconteceu aos 23min, quando o goleiro Oliver Kahn deu um soco no rosto do atacante Sören Larsen após uma disputa de bola na área. O lance merecia expulsão, mas o juiz Herbert Fandel mostrou apenas o cartão amarelo para Kahn.

É mais uma polêmica envolvendo o goleiro do Bayern, que foi suspenso da partida desta terça-feira contra o Milan, válida pela Liga dos Campeões, por causa de problemas com o exame antidoping no jogo anterior do torneio.

Schneider: craque da rodada

Além de Bayern e Schalke, outra excelente partida foi disputada em Mainz, onde o Bayer Leverkusen deu um show e derrotou a equipe local por 3 a 1, encerrando uma série de quatro vitórias do Mainz em casa.

Fußball-Bundesliga, 27. Spieltag, VfB Stuttgart - Alemannia Aachen

Lauth (d) comemora gol ao lado de Sami Khedira

O Mainz começou melhor e dominou o primeiro tempo, perdendo várias oportunidades. O grande nome da primeira etapa foi o goleiro Adler, que mostrou por que recebe cada vez mais elogios da imprensa alemã e fechou o gol do Leverkusen.

O Leverkusen reagiu no final do primeiro tempo. O veterano Bernd Schneider fez uma bela jogada na área do Mainz e cruzou para Barbarez abrir o placar ao 42min. Apenas três minutos depois, Barbarez voltou a marcar. O último gol foi marcado por Schneider, aos 8min finais. Ele ainda acertou uma bola no travessão aos 22min. Pela sua atuação, acabou eleito o craque da rodada pela imprensa alemã.

Em Bielefeld, o Borussia Dortmund foi derrotado por 1 a 0 na segunda partida sob o comando de Thomas Doll. A equipe de Tinga e Dedé está agora na zona de rebaixamento. Já o Hamburgo se afastou ainda mais das últimas posições ao derrotar o Wolfsburg por 1 a 0 e ocupa a 10ª colocação.

Leia mais