1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Sarkozy consegue maioria absoluta na Assembléia Nacional

Partido do presidente francês conquistou a maioria dos votos no segundo turno das eleições à Assembléia Nacional, mas não obteve a supremacia de dois terços, projetada pelas sondagens.

default

Sarkozy dispõe de apoio para seu programa de governo

Segundo informações preliminares divulgadas pelo Ministério do Interior francês na madrugada desta segunda-feira (18/06), o partido da União por um Movimento Popular (UMP), do presidente Nicolas Sarkozy, obteve 314 dos 577 mandatos na Assembléia Nacional, enquanto seus aliados de centro ficaram com 22 cadeiras.

As pesquisas antes do segundo turno neste domingo (17/06) haviam previsto entre 410 e 501 mandatos a favor de Sarkozy.

Os socialistas, por sua vez, conquistaram 36 mandatos a mais do que na votação anterior, somando 185 representantes na Assembléia Nacional. Os comunistas ficaram com 15 mandatos. Toda a esquerda francesa, incluindo os verdes e os partidos comunistas, alcançaram 204 cadeiras, 31 a mais do que detêm na Assembléia atual.

Bayrou consegue mandato

O novo Movimento Democrático conseguirá enviar três representantes à nova Assembléia, entre eles o chefe do partido e candidato presidencial derrotado François Bayrou. A participação eleitoral foi de cerca de 60%.

O resultado da eleição já teve conseqüências para o gabinete de governo. O ex-primeiro-ministro e atual ministro do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Alain Juppé, foi derrotado e anunciou que renunciará ao cargo.

O primeiro-ministro, François Fillon, havia declarado durante a campanha eleitoral que os ministros derrotados em seus distritos eleitorais deveriam abandonar o governo. (rw)

Leia mais