1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Sírio doou dinheiro para refugiados da Alemanha Oriental

Em 1989, cidadão do país árabe ofereceu cerca de 130 euros em solidariedade aos alemães que fugiam da RDA. Ministério do Exterior da Alemanha publica antigo memorando que informava sobre o caso.

default

Em 1989, cidadãos da RDA fugiram em massa

O Ministério do Exterior da Alemanha publicou nesta quinta-feira (27/08) em sua conta oficial no Twitter um memorando de 1989, informando sobre a visita de um sírio à embaixada alemã em Damasco com a intenção de doar dinheiro para refugiados da Alemanha Oriental.

Na época, a fuga em massa de cidadãos da República Democrática Alemã (RDA), antiga Alemanha Oriental, para a República Federal da Alemanha (RFA), Alemanha Ocidental, passando pelos vizinhos República Tcheca e Hungria, também ganhou destaque nos jornais do mundo árabe.

Segundo o memorando, o homem sírio doou 255 marcos alemães (cerca de 130 euros) para alemães que haviam fugido do lado oriental para o ocidental. Datado de 19 de setembro de 1989, o documento afirma que, três dias antes, "um cidadão sírio esteve na embaixada para declarar sua simpatia pelos alemães que têm fugido recentemente da RDA".

"Ele fez uma doação (...) no valor de 2 mil libras sírias", descreve o memorando. "Deve-se levar em conta que o valor ultrapassa a média de salário da maioria dos cidadãos sírios", diz o texto.

A Embaixada em Damasco recomendou que o dinheiro fosse depositado na conta de uma "organização humanitária adequada". De acordo um porta-voz do Ministério do Exterior, a sugestão foi acatada e a quantia enviada para a instituição católica Malteser Hilfsdienst sob o título de "Ajuda para a Hungria".

O caso representa uma inversão da situação atual ocorrida na Alemanha, que tem recebido um número cada vez maior de refugiados sírios que fogem da guerra civil que assola o país.

FCA/dpa

Leia mais