1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Brasil

Rompimento de barragens soterra distrito em Minas Gerais

Bento Rodrigues, na cidade histórica de Mariana, é atingido por uma enxurrada de resíduos de mineração. Bombeiros confirmam duas mortes. Barragens rompidas pertencem a Vale e BHP Billiton.

O rompimento de duas barragens de lama soterrou um distrito da cidade histórica de Mariana, em Minas Gerais, nesta quinta-feira (05/11), deixando um número ainda incerto de mortos e feridos.

Inicialmente, o chefe dos bombeiros de Mariana, Adão Severino Júnior, afirmou à agência de notícias AFP que ao menos 17 pessoas morreram e mais de 50 ficaram feridas em consequência do rompimento das barragens, que continham resíduos de um complexo de mineração.

Mais tarde, o Corpo de Bombeiros comunicou que apenas uma morte estava confirmada e que quatro pessoas pessoas ficaram feridas. A empresa mineradora disse que 13 pessoas estão desaparecidas. Hospitais da região confirmam o atendimento de 12 feridos.

Horas depois, o Corpo de Bombeiros confirmou uma segunda morte. O corpo foi encontrado na cidade de Rio Doce.

Brasilien Giftige Schlammlawine nach Dammbruch in Bergwerk

Enxurrada de lama arrastou veículos e destruiu residências em Bento Rodrigues

O rompimento fez com que uma enxurrada de lama atingisse o distrito de Bento Rodrigues, onde residem cerca de 600 pessoas, a maioria funcionários do complexo industrial mineiro. Em torno de 80% do local foi soterrado pela lama.

A maioria dos habitantes foi retirada da área afetada. Segundo a prefeitura de Mariana, cerca de 500 pessoas foram resgatadas e levadas para um ginásio esportivo da cidade, provisoriamente transformado em albergue.

A enxurrada destruiu casas e arrastou veículos, além de provocar queda no fornecimento de energia, deixando a área atingida às escuras.

Um dos depósitos de resíduos do complexo industrial, misturado com água, é conhecido como Barragem do Fundão. O outro tem o nome de Santarém. Ambos pertencem à empresa Samarco e estão localizados a cerca de 30 quilômetros da zona urbana de Mariana

A Samarco é um joint venture das mineradoras brasileira Vale e da australiana BHP Billiton.

AS/lusa/afp/efe/ap/abr

Leia mais