1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Ciência e Saúde

Robô da ESA faz pouso histórico em cometa 67P

Depois de uma década de experimentos, cientistas da Agência Espacial Europeia (ESA) comemoram sucesso da missão Rosetta. Operação pode trazer respostas sobre origem do sistema solar.

A Agência Espacial Europeia (ESA) comemorou nesta quarta-feira (12/11) o primeiro pouso de um robô espacial sobre um cometa. O

feito histórico

pode trazer respostas sobre as origens do sistema solar.

"Esse tipo de sucesso não cai do céu. É resultado de trabalho duro da agência. Somos os primeiros a realizar esse feito", disse o diretor da ESA, Jean-Jacques Dordain.

O robô Philae se desprendeu por volta das 7h00 da sonda espacial Rosetta, que percorreu

6,4 bilhões de quilômetros no espaço durante uma década

para alcançar o cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko.

"Os cometas são como blocos de construção que permaneceram mesmo após o surgimento do nosso sistema solar", explicou

em entrevista à DW a astrônoma Svetlana Gerasimenko

, que descobriu o cometa 67P em 1969. "Com os novos dados coletados, seremos capazes de tirar conclusões importantes sobre a origem do sistema solar e sua evolução."

Centenas de cientistas acompanharam a jornada de sete horas do robô da sede do ESA, em Darmstadt, na Alemanha, até o pouso, confirmado às 14h03. "Meu novo endereço: 67P", diz a conta do Philae no Twitter.

Depois do anúncio do sucesso da missão, o Centro de Operações da ESA informou que os arpões do robô não tinham sido lançados como se imaginava.

Horas antes do início da operação, o injetor especial de aterrissagem não estava funcionando corretamente. A agência garantiu, no entanto, que o Philae se encontra na superfície do cometa e que está analisando o que pode ser feito para solucionar o problema.

"Nós estamos prontos para tornar ficção científica em ciência real", declarou o diretor de operações da ESA, Thomas Reiter.

Conversa espacial

Pelo Twitter, os administradores das contas do ESA e do Philea promoveram conversas entre a sonda Rosetta e o Philea. "Eu nunca te vi deste ângulo", disse o robô a Rosetta, que respondeu: "Também estou te vendo, Philae!".

A sonda espacial também enviou uma foto para o robô logo depois que os dois equipamentos foram separados: "Essa é a primeira mensagem da separação. Sou eu, Philae!". Próximo do momento da aterrissagem, Rosetta desejou boa sorte ao robô. "Estou quase lá!", disse Philae, agradecendo a longa jornada realizada com a sonda espacial.

Cerca de uma hora depois do pouso, a ESA começou a receber imagens captadas pelo robô. A primeira foto tirada pela câmera Rolis é um registro do cometa quando o robô estava a três quilômetros de distância.

Leia mais