Real Madrid vence a Liga dos Campeões | Leia as principais notícias sobre o futebol internacional | DW | 28.05.2016
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futebol

Real Madrid vence a Liga dos Campeões

Equipe de Cristiano Ronaldo e Sérgio Ramos derrota o Atlético de Madrid nos pênaltis, depois de empate por 1 a 1 nos 120 minutos. É a segunda vitória do Real sobre o rival madrilheno na final da Liga dos Campeões.

default

Cristiano Ronaldo cobrou o último pênalti da série do Real Madrid

O Real Madrid derrotou neste sábado (28/05), nos pênaltis, o Atlético de Madrid e conquistou a Liga dos Campeões pela 11ª vez na história, depois de uma partida dramática que terminou em 1 a 1.

Cristiano Ronaldo, de atuação opaca durante os 120 minutos do clássico disputado no estádio San Siro, em Milão, converteu o quinto e último pênalti para a sua equipe.

É a segunda vez que o Real vence a Liga dos Campeões nas últimas três temporadas e a segunda vez que o Atlético não alcança o título. As duas equipes já haviam feito a final de 2014, também vencida pelo Real, por 4 a 1.

Fußball Champions League Finale Atletico Madrid v Real Madrid

Sérgio Ramos abriu o placar para o Real Madrid

O Real começou o jogo melhor e abriu o placar aos 15min, com Sérgio Ramos, que aproveitou um cruzamento para a pequena área feito por Toni Kroos. A vantgagem deu tranquilidade ao Real, que passou a dominar a partida.

Aos poucos, porém, o Atlético começou a reagir e reverteu de vez a situação no segundo tempo. A poucos segundos de jogo, o árbitro marcou pênalti para o Atlético por causa de uma falta de Pepe em Fernando Torres. Griezmann cobrou, mas acertou o travessão.

Fußball Champions League Finale Atletico Madrid v Real Madrid

Carrasco empatou a partida no final do segundo tempo

A partida ganhou em intensidade e emoção. Aos 10min, Stefan Savic quase empatou. A equipe do técnico Diego Simeone passou a pressionar o Real e a criar oportunidades, mas foi só aos 34min que Carrasco conseguiu empatar a partida.

O Real, sem Benzema e com Cristiano Ronaldo cansado, tentou reverter a situação, mas não conseguiu. A partida foi para a prorrogação, mas ao longo de 30 minutos, quase não foram produzidas oportunidades de gol.

Na cobrança de pênaltis, o Real superou o Atlético por 5 a 3. Juanfran, o quarto cobrador do Atlético, desperdiçou sua oportunidade, e Cristiano Ronaldo converteu o último pênalti da série de sua equipe.

Leia mais