1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Queda de jato da Embraer mata familiares de Bin Laden

Phenom 300 cai perto do aeroporto de Hampshire, na Inglaterra. Entre os quatro mortos está uma irmã do antigo líder da Al Qaeda e o marido e a mãe dela.

default

Investigadores e policiais no local do acidente, perto do aeroporto de Blackbushe

Membros da família do ex-líder da Al Qaeda Osama bin Laden estão entre as vítimas da queda de um jato privado no Reino Unido, afirmou neste sábado (01/08) a Embaixada da Arábia Saudita em Londres.

Quatro pessoas morreram depois de o aparelho, um Phenom 300 da Embraer, cair sobre um feirão de automóveis no sul da Inglaterra, nesta sexta-feira, quando tentava aterrissar no aeroporto de Blackbushe, em Hampshire, cerca de 60 quilômetros a sudoeste de Londres. O avião havia decolado do aeroporto de Malpensa, em Milão.

A inspetora-chefe da polícia local, Olga Venner, afirmou que "havia quatro pessoas a bordo, incluindo o piloto", acrescentando que "infelizmente, não houve sobreviventes", mas que, "em terra, ninguém ficou ferido".

Numa mensagem divulgada via Twitter, a embaixada saudita apresentou as condolências "aos filhos de Mohammed bin Laden (pai de Bin Laden) e seus familiares após o grave acidente do avião que transportava membros da família".

A mensagem não especifica a identidade das vítimas, mas a emissora de TV Al Arabiya disse que eles são uma irmã de Bin Laden, Sana' Mohammed bin Laden, o marido dela, Zuhair Hashem, e a mãe dela, Raja' Hashem.

A embaixada afirmou ainda que vai colaborar com as autoridades britânicas nas investigações sobre o acidente e repatriar os corpos para a Arábia Saudita.

A família Bin Laden é uma das mais importantes dinastias sauditas, além de muito rica. O pai de Osama, Mohammed, teve mais de 50 filhos e fundou o Binladen Group, um conglomerado do setor de construção civil responsável por inúmeras obras no reino saudita. Mohammed morreu num acidente de avião na Arábia Saudita, em 1967. Um filho dele, Salem, também morreu num acidente aéreo no Texas, em 1988.

Osama Bin Laden, fundador e líder da organização terrorista Al Qaeda, foi morto pelas forças especiais americanas no Paquistão, em 2011.

AS/lusa/ap/rtr

Leia mais