1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Quatro pessoas são condenadas por colisão de aviões na Suíça

Acidente ocorrido há cinco anos em Überlingen causou a morte de 71 pessoas, entre elas 49 crianças e adolescentes. Condenados são funcionários da empresa de controle de tráfego aéreo.

default

Destroços do avião russo às margens do Lago de Constança, na Alemanha

O tribunal de Bülach, na Suíça, condenou nesta terça-feira (04/09) por homicídio culposo (sem intenção) quatro funcionários da empresa suíça de controle de tráfego aéreo Skyguide. Eles foram considerados culpados pela morte de 71 pessoas numa colisão entre dois aviões ocorrida em julho de 2002.

Três funcionários da direção da empresa foram condenados a um ano de prisão com dois anos de suspensão condicional da pena. O quarto funcionário, um diretor de projetos técnicos, foi condenado a pagar multa de 13,5 mil francos suíços, igualmente com dois anos de suspensão condicional da pena.

Outros quatro acusados foram absolvidos. A promotoria pedia penas entre seis e 15 meses para os acusados. Os advogados de defesa pediam a absolvição.

A colisão envolveu um avião de passageiros da companhia russa Bashkirian Airlines e um jato da empresa alemã DHL e aconteceu na noite de 1º de julho de 2002 sobre a cidade de Überlingen, na Alemanha, às margens do Lago de Constança.

O acidente causou a morte de 71 pessoas, entre as quais 49 crianças e adolescentes que viajavam de férias para a Espanha. O controlador aéreo que estava de plantão naquela noite foi assassinado em fevereiro de 2004 por um russo que perdeu a esposa e os filhos no acidente. O russo cumpre pena numa prisão suíça. (rw,as)

Leia mais