Quatro das 10 melhores cidades europeias para se fazer negócios são alemãs, indica estudo | Notícias e análises sobre a economia brasileira e mundial | DW | 11.10.2010
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Quatro das 10 melhores cidades europeias para se fazer negócios são alemãs, indica estudo

Ranking do European Cities Monitor 2010 traz Berlim surpreendentemente à frente de Munique, além de incluir, pela primeira vez, Düsseldorf na lista das dez principais cidades para o mercado empresarial.

default

Berlim ocupa o sétimo lugar no ranking do European Cities Monitor

Os números revelados pelo European Cities Monitor 2010, estudo que anualmente avalia o desempenho de cidades do continente europeu, trouxeram grandes surpresas. Pela primeira vez, Düsseldorf, no oeste da Alemanha, entrou para a lista das 10 melhores cidades para negócios, ocupando o décimo lugar.

O ranking ainda conta com mais três cidades alemãs: Frankfurt, em terceiro, e Berlim e Munique, em sétimo e nono, respectivamente. Esta é a primeira vez na história do estudo que a capital da Alemanha – há 20 anos sem passar do 15º lugar – alcança uma posição melhor do que Munique.

No topo da lista estão Londres e Paris, mantendo as mesmas posições de 2009, nesta que é a 21 ª edição da pesquisa realizada pela empresa internacional de consultoria Cushman & Wakefield.

Critérios de avaliação

Para determinar quais cidades atualmente oferecem as melhores condições para uma empresa se estabelecer foram entrevistados 500 empresários europeus. Entre os principais fatores levados em consideração incluem-se custos com funcionários, ambiente econômico, acesso a financiamento, instalações adequadas, meios de transporte, velocidade na troca de informação e qualidade de vida.

Mas não apenas aspectos empresariais são avaliados. European Cities Monitor também classifica as melhores cidades da Europa. Neste quesito Frankfurt ocupa o quinto lugar, atrás de Londres, Paris, Bruxelas e Barcelona.

No que se refere à promoção de melhorias, outro ponto avaliado, Berlim conquistou o primeiro lugar. Subindo duas posições desde o ano passado, a cidade desbancou Barcelona e Londres, embora ambas tenham acumulado uma pontuação melhor do que em 2009.

Expansão mundial

Questionadas sobre uma expansão global, empresas apontaram quais países fora da Europa em que ainda não têm representação poderiam servir de alvo para uma expansão em cinco anos.

Segundo a pesquisa, os países do BRIC dominaram os 10 primeiros lugares, encabeçados por Xangai, Nova Déli e São Paulo.

Autora: Monique dos Anjos
Revisão: Roselaine Wandscheer

Leia mais