1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Quadro de Picasso bate recorde em leilão

"Les femmes d'Alger (Versão 0)", pintado em 1955, é vendido por quase 180 milhões de dólares pela casa Christie's, maior valor já alcançado por uma obra de arte num leilão.

A pintura Les femmes d'Alger (Versão 0), de Pablo Picasso, tornou-se nesta segunda-feira (11/05) a pintura mais cara já vendida num leilão, alcançando a soma de 179,36 milhões de dólares numa ação da casa Christie's em Nova York. O leilão demorou cerca de 11 minutos.

A tela, pintada pelo artista espanhol em 1955 e que mede 114 por 156,4 centímetros, faz parte de uma série de 15 pinturas. A obra já havia sido leiloada em 1997, por 32 milhões de dólares, e superou agora o preço alcançado por Três estudos de Lucian Freud, de Francis Bacon, leiloado em 2013 por 142,4 milhões de dólares.

O quadro, que é também uma homenagem a Jacqueline Roque, a última mulher de Picasso, pertenceu inicialmente à coleção de Victor e Sally Ganz, que adquiriram toda a série em 1956, por 212 mil dólares. O quadro integrou retrospectivas do pintor no MoMA, em Nova York (em 1957 e 1980), na National Gallery, em Londres (em 1960), e no Louvre, em Paris, (em 2008 e 2009).

Fora do circuito de vendas em leilão, a obra mais cara já vendida é Nafea Faa Ipoipo (Quando você vai se casar?), da fase taitiana de Paul Gauguin, que foi adquirido numa venda privada por um colecionador do Catar. Ele pagou cerca de 300 milhões de dólares.

AS/efe/dpa

Leia mais