1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Putin afirma que Snowden está em aeroporto de Moscou

Delator de megaesquema de espionagem está na área de trânsito e é livre para deixar a Rússia, afirma presidente russo, que descarta extradição para os Estados Unidos.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta terça-feira (25/06) que Edward Snowden está na área de trânsito do aeroporto de Sheremetyevo, em Moscou, e deve deixar o país o quanto antes.

"Ele é um passageiro em trânsito e ainda lá está. Snowden é um homem livre. Quanto mais depressa escolher o seu destino final, melhor para nós e para ele", disse Putin durante uma visita à Finlândia, afastando assim qualquer possibilidade de extradição para os Estados Unidos.

O presidente sublinhou que a Rússia não tem um tratado de extradição com os Estados Unidos e rebateu as acusações americanas de um suposto envolvimento russo na viagem que levou o ex-consultor de informática de Hong Kong para a Rússia.

"É verdade que Snowden veio para Moscou. Para nós foi completamente inesperado", disse Putin, acrescentando que as acusações contra a Rússia são infundadas.

Segundo Putin, Snowden, por ser um passageiro em trânsito, não precisa de visto nem de nenhum outro documento, sendo livre para comprar um bilhete e viajar para onde quiser. "Ele não ultrapassou a fronteira russa e, por isso, não precisa de visto", disse.

Snowden, funcionário de uma empresa privada subcontratada pela Agência de Segurança Nacional (NSA) dos Estados Unidos, revelou em 9 de junho aos jornais britânico The Guardian e americano The Washington Post a existência de dois programas de vigilância de comunicações telefônicas nos EUA e de comunicações via internet no exterior.

O profissional de informática, de 30 anos, refugiou-se em Hong Kong e, no domingo passado, dias depois de ter sido formalmente acusado pelos Estados Unidos de espionagem, viajou para Moscou. Na segunda-feira, vários órgãos de imprensa afirmaram que ele viajaria para Havana, mas o jovem não embarcou no avião e, até as declarações de Putin, o seu paradeiro era incerto.

AS/lusa/rtr/afp

Leia mais