1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Premiê da França alerta para risco de ataques com armas químicas e biológicas

Em discurso ao Parlamento da França, Manuel Valls afirma que ameaça de atentados desse porte não deve ser descartada e pede que União Europeia aprove lei que permite compartilhamento de dados de passageiros aéreos.

default

Valls vai a Parlamento pedir prorrogação de estado de emergência

O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, afirmou nesta quinta-feira (19/11), no Parlamento da França, que o país corre o risco de sofrer ataques com armas químicas e biológicas no decorrer da luta contra jihadistas.

"Não podemos descartar nada. Digo isso com toda a precaução necessária, mas sabemos e temos em mente que há também o risco de armas químicas e biológicas", disse Valls. "A macabra imaginação de mentores [de atentados] é ilimitada", ressaltou.

Valls foi ao Parlamento francês para defender a prorrogação do estado de emergência que foi declarado após os ataques que deixaram 129 mortos em Paris na sexta-feira.

O primeiro-ministro aproveitou ainda a ocasião para pedir que a União Europeia (UE) aprove urgentemente medidas para facilitar o compartilhamento de dados de passageiros aéreos.

"Mais do que nunca é hora da Europa garantir o rastreamento de movimentos, inclusive dentro do bloco. Essa é uma condição para nossa segurança coletiva", disse Valls.

CN/rtr/afp

Leia mais