Príncipe Philip vai deixar a vida pública | Notícias e análises internacionais mais importantes do dia | DW | 04.05.2017
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Reino Unido

Príncipe Philip vai deixar a vida pública

Duque de Edimburgo deixará de desempenhar funções reais a partir de agosto, em decisão pessoal tomada com apoio da rainha Elizabeth 2ª, anuncia Palácio de Buckingham.

Rainha Elizabeth 2ª e Príncipe Philip

Rainha Elizabeth 2ª e Príncipe Philip

O Palácio de Buckingham anunciou nesta quinta-feira (04/05) que o príncipe Philip, marido da rainha Elizabeth 2ª, não vai mais desempenhar funções reais a partir do outono europeu deste ano.

O duque de Edimburgo, que vai completar 96 anos em 10 de junho, tomou a decisão de não participar mais de compromissos públicos com "o apoio total da rainha", afirmou o Palácio. Ele manterá os compromissos agendados até agosto e poderá decidir acompanhar alguns eventos públicos de vez em quando, acrescentou.

A rainha Elizabeth, que em abril completou 91 anos, continuará a exercer suas funções reais e conta com o apoio de sua família.

De acordo com o Palácio de Buckingham, o príncipe consorte é patrono, presidente ou membro de mais de 780 organizações, com as quais continuará a ser associado, embora sem desempenhar um papel ativo.

MEY/lusa/efe

Leia mais