1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Portugal vence Gana com gol de Ronaldo, mas é eliminado

Craque finalmente marca seu primeiro gol nesta Copa, mas vitória por 2 a 1 em Brasília não foi o suficiente para a classificação. Ambas as seleções são eliminadas do torneio.

Cristiano Ronaldo finalmente marcou o seu gol nesta Copa do Mundo – seu terceiro em Mundiais – e ajudou Portugal a derrotar Gana por 2 x1 nesta quinta-feira (26/06), em Brasília. Mas ambas as seleções morreram abraçadas e estão eliminadas do torneio. Os portugueses empataram em pontos com os EUA, mas a derrota acachapante na estreia para a Alemanha os deixou com um saldo negativo de três gols.

O craque português começou a partida acreditando na classificação. Logo aos cinco minutos, ele cruzou e, de propósito ou não, a bola encobriu o goleiro de Gana e acertou o travessão. Aos 18, novamente Ronaldo cabeceou à queima-roupa, e o goleiro Dauda fez um milagre. No lance seguinte, a primeira grande chance para os ganeses, mas Beto salvou com os pés a finalização de André Ayew.

FIFA Fußball WM 2014 Ghana Portugal

Com este gol, Asamoah Gyan se tornou o maior artilheiro africano em Copas (6 gols)

Gana chamou nos últimos dias mais atenção por problemas extracampo do que pelo futebol apresentado. Depois de um início de greve, cobrando a premiação referente à classificação, um avião com supostamente 3 milhões de dólares pousou no Brasil, na noite de quarta-feira.

Mesmo com a situação financeira resolvida, os meias Sulley Muntari e Kevin-Prince Boateng se envolveram em agressões verbais e, segundo informações da imprensa africana, até em agressões físicas contra dirigentes da federação local. Os dois foram expulsos da delegação e da Copa horas antes do jogo.

Um dos momentos mais polêmicos envolvendo o motim dos jogadores foi protagonizado pelo zagueiro John Boye, que foi fotografado beijando o montante de dinheiro referente a sua parcela da premiação. E foi justamente ele que abriu o marcador, mas quis o destino que contra a própria meta.

Na jogada, João Moutinho deu um chapéu na entrada da área e abriu a bola para Miguel Veloso, que cruzou para a área. Boye, todo desajeitado, tentou aliviar de joelho, mas pegou mal na bola e acertou o canto de Dauda.

FIFA Fußball WM 2014 Deutschland USA

Cristiano Ronaldo finaliza após lambança do goleiro de Gana e garante a única vitória portuguesa nesta Copa

Na segunda etapa, Gana tentou recuperar a honra perdida e partiu para cima. Logo aos cinco minutos, Asamoah Gyan – sempre ele – empatou a partida. Kwadwo Asamoah cruzou de três dedos, e Gyan cabeceou, sem chances para Beto. Foi o sexto gol em Copas de Gyan, ultrapassando assim o camaronês Roger Milla e se tornando o maior artilheiro africano em Copas.

Com a derrota parcial dos Estados Unidos na outra partida do grupo, bastava um gol para Gana passar de fase. A seleção africana pressionou e teve boas chances com Gyan e Asamoah, mas sofreu o baque final aos 35 minutos. O goleiro Dauda cortou mal um cruzamentom, e a bola caiu nos pés de Cristiano Ronaldo, dentro da área, na altura da marca penal. O luso não perdoou: 2 a 1.

Portugal, então, voltou a sonhar com o milagre. Os portugueses precisavam tirar três gols de diferença para os EUA. Aos 37, Ronaldo chutou de primeira, mas desta vez Dauda fez boa defesa. E aos 46, o craque caiu pedindo pênalti. Fim de jogo e choro dos jogadores portugueses no centro do gramado.

Ficha técnica

Portugal 2 x 1 Gana

Local: Arena Nacional, Brasília

Arbitragem: Nawaf Shukralla (Bahrein) auxiliado por seus compatriotas Yaser Tulefat e Ebrahim Saleh.

Gols: John Boye (contra 31'/1T), Asamoah Gyan (11'/2T), Cristiano Ronaldo (35'/2T)

Cartões amarelos: Harrison Afful (39'/1T), Majeed Waris (10'/2T), Jordan Ayew (33'/2T), João Moutinho (46'/2T)

Portugal: Beto (Eduardo 44'/2T); João Pereira (Silvestre Varela 17'/2T), Pepe, Bruno Alves, Miguel Veloso; William, João Moutinho, Ruben Amorim; Nani, Cristiano Ronaldo e Eder (Vieirinha 24'/2T). Técnico: Paulo Bento.

Gana: Fatawu Dauda; Harrison Afful, John Boye, Jonathan Mensah, Kwadwo Asamoah; Mohammed Rabiu (Afriyie Acquah 31'/2T), Emmanuel Badu, Christian Atsu, André Ayew (Mubarak Wakaso 36'/2T); Majeed Waris (Jordan Ayew 26'/2T) e Asamoah Gyan. Técnico: James Appiah.

Leia mais