1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Popularidade de Schäuble em alta na Alemanha

Pesquisa indica 70% de aprovação ao ministro das Finanças do país, mais do que a obtida pela chanceler federal Angela Merkel. Atuação do político nas negociações com a Grécia tem sido exaltada pela mídia alemã.

O ministro das Finanças da Alemanha, Wolfang Schäuble, é visto na Grécia como vilão nas

negociações com os credores internacionais

. Já na Alemanha, a popularidade do político de 72 anos nunca foi tão alta, indica uma pesquisa divulgada nesta sexta-feira (03/07) pela emissora pública ARD. Segundo o levantamento, 70% dos alemães aprovam o trabalho de Schäuble.

O ministro se mostrou mais popular até mesmo que a chanceler federal, Angela Merkel, que obteve 67% de aprovação. Entretanto, ambos ficaram atrás do ministro do Exterior, Frank-Walter Steinmeier, com 73%. De modo geral, 57% dos entrevistados se disseram satisfeitos com o governo federal.

A atuação de Schäuble durante as negociações sobre a crise da Grécia tem sido exaltada pela mídia alemã nas últimas semanas, por não se curvar às exigências do primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, de uma extensão do programa de resgate financeiro ao país.

O tabloide alemão Bild, que defendeu a ruptura dos laços da zona do euro com a Grécia, publicou nesta semana uma imagem de Schäuble vestido de super-herói. O jornal chama o ministro de "Euroman", elogiando-o por defender a moeda europeia diante do "circo do resgate de Atenas".

Entre os partidos políticos alemães, a chamada União – formada pela União Democrata Cristã (CDU), de Merkel, e pela União Social Cristã (CSU) – obteve o maior índice de aprovação (40%). O Partido Social Democrata (SPD), parceiro da CDU/CSU na coalizão governista, ficou em segundo lugar (25%), seguido do Partido Verde (11%) e do A Esquerda (10%). O Partido Liberal Democrata (FDP) e o Alternativa para a Alemanha (AfD) obtiveram apenas 5% cada.

RC/rtr/afp

Leia mais