1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Polícia de Paris mata homem suspeito de portar explosivos

Policiais disparam contra homem que tentou entrar armado com uma faca numa delegacia e usava um cinto explosivo falso. Autoridades dizem que ele gritou "Alá é grande".

As autoridades francesas informaram nesta quinta-feira (07/01) que um homem foi morto a tiros ao tentar invadir uma delegacia de polícia no norte em Paris, logo após o meio-dia (hora local). Segundo a TV francesa iTele, o homem portava uma faca e, segundo dois policiais, tinha fios saindo de suas roupas.

Segundo o porta-voz do Ministério do Interior da França, o homem teria gritado "Alá é grande" e estaria vestindo algo que poderia ser um cinto com explosivos. Pouco depois, um policial declarou à agência de notícias Reuters que o cinto era falso, o que acabou sendo confirmado mais tarde pelo Ministério do Interior.

Uma testemunha disse à agência de notícias AFP ter ouvido "dois ou três disparos". O caso foi tratado como um potencial "ataque terrorista", e o esquadrão antibombas foi até a delegacia. Ainda não há informações sobre a identidade do suspeito.

A delegacia de polícia fica na Rue de la Goutte d'Or, no 18º arrondissement de Paris. A área tem um elevado índice de criminalidade.

O incidente ocorreu no aniversário dos ataques terroristas de 2015 ao semanário satírico Charlie Hebdo, pouco depois de o presidente François Hollande fazer um discurso em homenagem às vítimas.

No dia 13 de novembro, terroristas mataram 130 pessoas em ataques coordenados na capital francesa.

FF/afp/dpa/rtr

Leia mais