1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Pina Bausch recebe Prêmio Kyoto de Artes e Filosofia

A coreógrafa Pina Bausch recebe o Prêmio Kyoto por sua contribuição às artes em 40 anos de carreira.

default

Quatro décadas ligadas à arte

A coreógrafa alemã Pina Bausch recebe este ano o Prêmio Kyoto de Artes e Filosofia. A artista receberá uma medalha de ouro de 20 quilates, além de 50 milhões de ienes (308 mil euros), numa cerimônia que será realizada em novembro, no Japão.

A artista foi escolhida por "ter quebrado as barreiras entre a dança e o teatro e ter criado uma nova forma de arte cênica", informa o site da instituição responsável pela premiação, a Fundação Inamori. Pina Bausch tem cerca de 40 anos de carreira e ficou conhecida por romper a tradição das danças clássica e moderna, tendo sido uma das pioneiras do gênero que ficou conhecido como Tanztheater (teatro-dança).

Além do Prêmio Kyoto, a coreógrafa também possui no currículo a medalha Pablo Picasso, oferecida pela Unesco em 1993, o prêmio Harry Edmonds, recebido da Casa Internacional de Nova York em 1998 e o prêmio Laurence Oliver de 2006, oferecido pela Sociedade do Teatro de Londres. Atualmente, a coreógrafa trabalha como diretora artística da Escola de Dança Folkwang, na cidade de Essen, na Alemanha.

Além da categoria Artes e Filosofia, o prêmio Kyoto também recompensa trabalhos nas áreas de Ciências Básicas e Tecnologia Avançada. Os ganhadores deste ano foram, respectivamente, o químico Hiroo Inokuchi e o geofísico Hiroo Kanamori, ambos japoneses. (vn)

Leia mais