1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Pilotos da Germanwings se recusam a voar

Mais de 30 voos partindo de aeroportos alemães são cancelados. Tripulação alega motivos pessoais para não embarcar em Airbus A320, mesmo modelo do avião que caiu nos Alpes franceses.

Após a queda do Airbus A320 da Germanwings, subsidiária da Lufthansa, vários pilotos da companhia aérea se recusaram a voar nesta terça-feira (24/03). De acordo com o jornal alemão Bild, mais de 30 voos tiveram que ser cancelados devido à recusa.

Os pilotos se recusaram a levantar voo com aeronaves do modelo A320 e alegaram, por motivos pessoais, não estarem aptos a voar.

"Alguns membros da tripulação não quiseram voar por motivos pessoais. A Germanwings compreende a situação", informou uma porta-voz da Lufthansa. Foram cancelados voos que partiam dos aeroportos de Düsseldof, Colônia/Bonn, Tegel (Berlim), Leipzig e Stuttgart.

Segundo a revista alemã Der Spiegel, a aeronave que caiu na França teve problemas técnicos no trem de pouso na segunda-feira. A companhia aérea afirma, no entanto, que o problema não afetou a segurança do avião.

"Não foi um tema relevante na segurança, mas sim um conserto de rotina para eliminar um ruído", afirmou a porta-voz da Lufthansa.

O voo 4U-9525, que fazia o trajeto entre Barcelona, na Espanha, e Düsseldorf, na Alemanha,

caiu no sul da França na manhã desta terça-feira

. Todas as 150 pessoas a bordo morreram no acidente.

CN/rtr/otr

Leia mais