1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

PIB chinês tem pior resultado desde 2009

Com queda nas exportações, economia chinesa registra crescimento de 6,9% no terceiro trimestre, patamar comparável apenas ao da última crise financeira mundial. Consumo e infraestrutura evitaram desempenho ainda pior.

A economia chinesa registrou o pior crescimento trimestral desde a crise financeira mundial de 2008, anunciou nesta segunda-feira (19/10) o Instituto Nacional de Estatística do país.

Entre julho e setembro, o Produto Interno Bruto (PIB) chinês avançou 6,9%. Esse é o patamar mais baixo desde o primeiro trimestre de 2009, quando o crescimento econômico caiu para 6,2%.

Segundo analistas, a queda nas exportações e o baixo desempenho do setor imobiliário foram os principais motivos para derrubar as projeções. No entanto, os altos índices de consumo e investimentos em infraestrutura evitaram uma baixa ainda mais acentuada.

"Para se reestruturar, a economia vai enfrentar uma pressão descendente", afirmou o porta-voz do Instituto Nacional de Estatística, Sheng Laiyun. Apesar disso, o resultado ainda está dentro do resultado anual esperado por Pequim, de "cerca de 7%."

"Não falta ritmo de crescimento à China. Apesar de uma desaceleração na indústria, o setor de serviços está crescendo rapidamente", pontuou Laiyun.

A desaceleração da economia chinesa coincide com um período de grande volatilidade na bolsa de Xangai e a desvalorização do yuan frente ao dólar.

Com as exportações prejudicadas, o governo chinês tem imposto um modelo de transição econômica com ênfase no consumo doméstico.

KG/rtr/ap/lusa

Leia mais