Pesquisa mostra social-democratas na frente do partido de Merkel | Todas as informações sobre as eleições na Alemanha em 2017 | DW | 19.02.2017
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Eleição na Alemanha

Pesquisa mostra social-democratas na frente do partido de Merkel

Pela primeira vez, SPD supera aliança CDU/CSU na sondagem realizada pelo instituto Emnid e publicada pelo jornal "Bild am Sonntag". Alta acumulada é de 12 pontos percentuais em quatro semanas.

Candidato a chanceler federal pelo SPD, Martin Schulz, fala da tribuna

Candidato a chanceler federal pelo SPD, Martin Schulz

O Partido Social-Democrata (SPD) lidera pela primeira vez uma pesquisa de intenção de votos para a eleição legislativa deste ano na Alemanha, segundo uma sondagem divulgada neste domingo (19/02).

A pesquisa do instituto Emnid, publicada pelo jornal Bild am Sonntag, mostra um aumento de 1 ponto percentual para os sociais-democratas em uma semana, alcançando 33%. O candidato do partido é o ex-presidente do Parlamento Europeu Martin Schulz.

Leia a cobertura completa sobre a eleição na Alemanha em 2017

A aliança entre a União Democrata Cristã (CDU) e a União Social Cristã (CSU), que concorrem com a chanceler federal Angela Merkel, caiu 1 ponto percentual em relação ao levantamento anterior e tem agora 32%.

Os dois partidos da oposição parlamentar, A Esquerda e Partido Verde, tem 8% e 7%, respectivamente, os mesmos resultados da enquente anterior. O Partido Liberal Democrático (FDP) aparece novamente com 6%, e o Alternativa para a Alemanha (AfD) caiu 1 ponto percentual e alcançou 9%.

Desde a indicação de Schulz, o SPD tem crescido em todas as pesquisas eleitorais. A alta nas pesquisas do Emnid já chega a 12 pontos percentuais em quatro semanas, um recorde para o levantamento.

O Emnid ouviu 1.885 eleitores. A eleição está marcada para 24 de setembro.

AS/dpa/rtr

Leia mais