1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Pendurado, Neymar preocupa Seleção

Atacante recebeu cartão amarelo contra a Croácia e, se for advertido novamente, ficará de fora da partida seguinte. Possibilidade seria forçar punição contra o México para não correr risco de ficar de fora das oitavas.

Foi só um cartão amarelo. Mas o suficiente para colocar comissão técnica e torcedores brasileiros em alerta. Na

vitória

de quinta-feira (14/06) sobre a Croácia, Neymar foi punido por acertar um adversário com o braço numa disputa de bola. E agora jogará pendurado até as oitavas de final.

Na Copa do Mundo, o jogador que receber dois cartões amarelos durante a fase de grupos e as oitavas de final cumpre suspensão automática no jogo seguinte. Os cartões só são zerados no início das quartas de final.

Neymar é atacante, mas ajuda na marcação e foi o jogador que mais cometeu faltas na Copa das Confederações do ano passado – foram 17 infrações em apenas cinco partidas. A aplicação no sistema defensivo é um pedido do próprio Felipão.

"Ele não é um jogador acostumado a isso, mas se aplica, tenta fazer, motiva-se para isso", disse o técnico recentemente.

WM Brasilien Strassenhändler Trikot

Camisas da seleção brasileira, com o nome de Neymar, à venda em São Paulo: atacante preocupa torcedores

Neymar pode ser o mais faltoso da Seleção, mas é o camisa 10, cobrador de faltas e pênaltis, artilheiro do time até aqui no Mundial e o jogador que mais fez gols pelo Brasil neste século. Uma suspensão numa eventual oitavas de final poderia colocar em risco toda a campanha brasileira na Copa.

Diante de uma vitória contra o México, que daria praticamente a classificação para o Brasil, uma alternativa seria Neymar forçar o segundo cartão amarelo, para ficar de fora da partida contra Camarões e entrar limpo nas oitavas. Felipão admite a possibilidade.

"O mais importante é a Seleção se classificar. Neymar vai jogar a segunda partida sim e, se precisar levar o segundo cartão, que leve. O mais importante é se classificar", afirmou o técnico.

Nas últimas Copas, o Brasil teve problemas com suspensões automáticas. Na África do Sul, o volante Ramires ficou de fora das quartas de final, contra a Holanda, por receber o segundo amarelo nas oitavas. E Kaká não enfrentou Portugal, na última partida da fase de grupos, por ser expulso no jogo anterior. Na campanha do Penta, Ronaldinho Gaúcho não disputou a semifinal por ter recebido o vermelho contra a Inglaterra.

Leia mais