1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Ciência e Saúde

Passageiros de navio preso na Antártida são resgatados

Grupo de cientistas, jornalistas e turistas é retirado de helicóptero da embarcação. Tripulação permanece no navio, que está preso no gelo desde a véspera de Natal.

Todos os 52 passageiros de uma embarcação de pesquisa presa no gelo da Antártida foram socorridos de helicóptero nesta quinta-feira (02/01) e levados para um navio australiano.

A Autoridade de Segurança Marítima Australiana afirmou ter sido informada pelo navio Aurora Australis que todos os passageiros do navio russo Akademik Shokalsky estavam a salvo. O grupo é formado por cientistas, jornalistas e turistas.

O helicóptero pousou numa pista improvisada ao lado do navio russo, feita pela própria tripulação e passageiros. Em grupos de 12 pessoas, a aeronave transportou os passageiros até um navio quebra-gelo chinês. De lá, eles foram levados de barco até o australiano Aurora Australis.

O Akademik Shokalsky está preso no gelo desde a véspera de Natal, cerca de cem milhas náuticas ao leste da base francesa de Dumont d'Urville. Diversas tentativas de chegar até ele com navios quebra-gelo fracassaram.

Os 22 membros da tripulação permanecem no navio russo, à espera do derretimento da calota de gelo, para então deixarem o local.

A embarcação russa rememorava a expedição realizada há um século pelo explorador Douglas Mawson na Antártida, que proporcionou o primeiro estudo completo do continente gelado.

MV Akademik Shokalskiy Forschungsschiff Antarktis

Passageiros do navio russo improvisam uma pista de pouso para o helicóptero

AS/afp/dpa/efe