1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Partidos da coalizão chegam a consenso sobre estrangeiros "tolerados"

Representantes dos partidos que compõem o governo de coalizão estabeleceram as condições para assegurar a permanência na Alemanha de cerca de 180 mil estrangeiros que são atualmente apenas tolerados.

default

Entre as pessoas diretamente afetadas, há muitas crianças

Em reunião realizada em Berlim, na noite de segunda-feira (12/03), representantes dos partidos CDU/CSU e SPD, que compõem o governo de coalizão, chegaram a um consenso sobre as condições para assegurar o direito de permanência na Alemanha a estrangeiros que atualmente têm apenas o status de "tolerados". Colocou-se assim um ponto final a um debate que se estendeu por vários anos, afetando um grupo de cerca de 180 mil pessoas.

Os estrangeiros tolerados terão direito a permanência se conseguirem provar até o fim de 2009 que têm um emprego, conhecimentos da língua alemã e se não tiverem antecedentes criminais. Pessoas que vivem sós precisam estar há pelo menos oito anos no país; no caso de famílias com crianças, bastam seis anos.

Basicamente, confirmou-se o que já fora combinado pelos partidos políticos em novembro de ano passado. A renegociação se tornou necessária porque a União Social Cristã (CSU), representada apenas na Baviera, e alguns secretários do Interior de Estados governados pela União Democrata Cristã (CDU) haviam questionado as regras combinadas e exigido que não houvesse aumento na ajuda social prestada pelo Estado a esse grupo de pessoas.

A novidade no atual consenso é que os Estados federados têm o direito de decidir se prestam ajuda financeira ou ajuda em espécie, por exemplo, disponibilizando alimentos e moradia.

O consenso, que deverá ser aprovado pelo gabinete de ministros ainda antes da Páscoa, é um primeiro passo para uma ampla reformulação da lei da imigração de 2005. Entre outros aspectos, a Alemanha precisará implementar 11 diretrizes da União Européia relativas ao direito de permanência e de asilo. (lk)

Leia mais