1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Participantes da Conferência de Paz para o Afeganistão começam a chegar a Bonn

Tudo indica que as negociações terão seu início mesmo na terça-feira. Grupos não enviaram, porém, seus principais líderes e expectativa não é de solução rápida.

Os preparativos para a Conferência de Paz para o Afeganistão estão praticamente prontos no palácio Petersberg, em Bonn. Neste domingo, chegaram os últimos enviados da ONU à ex-capital alemã. A delegação das Nações Unidas é chefiada por Lakhdar Brahimi. Das quatro facções afegãs, representantes do ex-rei Mohammed Sahir Schah e da chamada Iniciativa Chipre, coordenada pelo ex-líder mujahedin Gulbuddin Hekmatyar, também já se encontram em Bonn e iniciaram contatos preliminares com os mediadores internacionais. Eles queriam discutir o programa da conferência e a representação de cada grupo de seu país.

Delegados da Aliança do Norte e do chamado Grupo Peshawar, chefiado por Pias Said Ahmed Gayliani, exilado no Paquistão, são esperados nesta segunda-feira. A Aliança do Norte, que agora controla as principais cidades afegãs, enviou seu ministro do Interior, Junus Kanuni. Ao todo, 11 participantes da conferência partiram neste domingo de Islamabad, capital do Paquistão, para a Alemanha.

As negociações devem começar na terça-feira e durar, pelo menos, dez dias. Ninguém espera um desfecho rápido, pois nenhum grupo afegão estará representado por seu principal líder. De Cabul, capital do Afeganistão, o líder da Aliança do Norte, Burhanuddin Rabbani, mandou seu recado. Ele espera que a conferência de Petersberg acerte a formação de um conselho com 15 membros. O órgão convocaria então uma grande assembléia, na qual todos os povos afegãos estariam presentes.

Links externos