1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Para Domenech, não há desculpa para Zidane

O treinador francês Raymond Domenech, 54, disse após a final da Copa do Mundo que não há desculpa para a agressão desleal de Zinedine Zidane ao italiano Materazzi, o que lhe rendeu uma expulsão na prorrogação.

Mas entendeu, porém, a atitude de seu camisa 10 no último jogo de sua carreira. "Não há desculpas, mas o Zidane foi um alvo durante todo o jogo", comentou.

"O Materazzi foi o nome do jogo. Ele marcou o gol da Itália e tirou o Zidane de campo. É triste ver o Zidane encerrar a carreira dele assim. E seu eu soubesse que isso iria acontecer, o teria tirado de campo cico minutos antes", emendou.

O comandante francês não conseguiu ver nada de positivo nesta partida, e que a derrota o desaponta profundamente. "Estávamos com o jogo na mão, e merecíamos estar comemorando ao invés dos italianos".

"Estou profundamente desapontado. Apenas a vitória é bonita, e nós perdemos a chance de vencer por um pequeno detalhe. A Itália jogou para ir aos pênaltis porque esta era a sua única opção", atacou.