1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Papa dá destaque a não europeus ao nomear 20 novos cardeais

Representantes de América Latina, África e Ásia aumentam probabilidade de que integrantes do próximo conclave escolham mais um papa de fora da Europa, assim como Francisco.

O papa Francisco nomeou neste domingo (04/01) 20 novos cardeais, sendo grande parte deles da América Latina, África e Ásia, afastando, assim, o centro de poder da Igreja Católica dos países desenvolvidos. Dos nomes revelados pelo pontífice, 15 têm menos de 80 anos, o que significa que poderão integrar o conclave que elegerá o sucessor do Santo Padre.

Entre os países de origem dos novos cardeais eleitores estão Etiópia, Nova Zelândia, Vietnã, México, Myanmar, Tailândia, Uruguai, Panamá, Cabo Verde, Itália, França, Portugal e Espanha.

Ao anunciar os novos cardeais eleitores, Francisco disse que eles vêm "de 14 países de todos os continentes e manifestam os vínculos indissolúveis entre a Igreja de Roma" e igrejas mundo afora.

Apesar da variedade de países representados nas escolhas do papa, europeus ainda formaram o maior grupo dos eleitos, com sete cardeais, incluindo três italianos. Cinco dos novos cardeais são latino-americanos, mas não há brasileiro entre eles.

Trata-se da segunda vez que o pontífice, de 78 anos, utilizou a criação de novos dirigentes para dar sua marca à Igreja e a seus 1,2 bilhões de fiéis. Os dois novos grupos de cardeais aumentam a probabilidade de que o próximo papa não seja europeu, assim como Francisco. Os escolhidos por ele compõem agora um quarto dos 125 cardeais eleitores.

Confira os nomes dos novos cardeais, agrupados por região:

Europa

- Arcebispo Dominique Mamberti, da França

- Arcebispo Francesco Montenegro, da Itália

- Arcebispo Luigi De Magistris, da Itália (não eleitor)

- Arcebispo Ricardo Blazquez Perez, da Espanha

- Arcebispo Karl-Joseph Rauber, da Alemanha (não eleitor)

- Arcebispo Edoardo Menichelli, da Itália

- Arcebispo Manuel José Macario do Nascimento Clemente, de Portugal

América Latina

- Arcebispo Daniel Fernando Sturla Berhouet, do Uruguai

- Arcebispo Alberto Suárez Inda, do México

- Bispo José Luís Lacunza Maestrojuan, do Panamá

- Arcebispo José de Jesús Pimiento Rodriguez, da Colômbia (não eleitor)

- Arcebispo Luís Hector Villaba, da Argentina (não eleitor)

África

- Bispo Arlindo Gomes Furtado, de Cabo Verde

- Bispo Julio Duarte Langa, de Moçambique (não eleitor)

- Arcebispo Berhaneyesus Demerew Souraphiel, da Etiópia

Ásia/Pacífico

- Arcebispo Charles Maung Bo, de Myanmar

- Arcebispo John Atcherley Dew, da Nova Zelândia

- Arcebispo Francis Xavier Kriengsak Kovithavanij, da Tailândia

- Bispo Soane Patita Paini Mafi, de Tonga

- Arcebispo Pierre Nguyen Van Nhon, de Hanói

LPF/rtr/afp

Leia mais