1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futurando!

Os temas apresentados no Futurando 60

Você acompanhou o passo a passo do processo de criação de um modelo virtual do cérebro em 3D. Teve ainda uma conversa exclusiva com o cientista Miguel Nicolelis sobre o projeto Walk Again.

Até pouco tempo, pesquisadores de todo o mundo ainda se baseavam em imagens de livros para estudar o cérebro. O projeto Big Brain foi pensando para revolucionar esse panorama: o objetivo é contruir um modelo digital do cérebro em 3D com 100 mil vezes mais dados que uma ressonância magnética tradicional. O Futurando, exibido no dia 2 de Novembro de 2013, mostrou o passo a passo desse processo de montagem, que usou o cérebro de uma paciente saudável de 65 anos como base.

A equipe do programa também descobriu outros mistérios do cérebro. Cientistas do Instituto de Tecnologia da Califórnia pesquisam o fenômeno da sinestesia. Ele aparece em algumas pessoas e faz com que elas ouçam sons quando veem determinadas imagens, ou enxerguem cores quando olham para números, o que deixa os pesquisadores intrigados.

Foi apresentada ainda uma entrevista exclusiva com o cientista brasileiro Miguel Nicolelis. O neurocientista está desenvolvendo, junto com uma equipe internacional, uma estrutura robótica para que um paraplégico possa voltar a se movimentar. O projeto Walk Again será apresentado na abertura da Copa do Mundo no Brasil: a expectativa é que uma pessoa paraplégica dê o chute inaugural da competição.

Lixo

O Futurando denunciou o problema do lixo na Albânia. O país investiu milhões num centro de reciclagem, mas os resíduos vão parar em aterros ilegais e não são reaproveitados. E assim o lixo acabada nas ruas e no meio ambiente – e a central de reciclagem simplesmente não recebe lixo para reciclar. O programa falou também sobre a importação de resíduos tóxicos no país.

Mas o lixo, como se sabe bem, pode ser usado como matéria-prima para pessoas criativas. Na Alemanha, um hostel transformou lixo em decoração. Eles usaram peças que estavam num ferro-velho para construir os quartos.

Assistir ao vídeo 26:42

Futurando 60

Áudios e vídeos relacionados