Os temas apresentados no Futurando 23 | Programa de ciência, meio ambiente e tecnologia da DW Brasil | DW | 13.02.2013
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Futurando!

Os temas apresentados no Futurando 23

Uma incrível viagem pela Via Láctea, observando estrelas e buracos negros. Enquanto aqui na Terra a tecnologia faz a diferença, para todas as idades. O "Futurando" traz ainda belas imagens da neve.

Com o Futurando 23, exibido no dia 16 de fevereiro de 2013, você vai fazer uma incrível viagem pelo espaço. Para começar, o programa vai mostrar a construção do maior e mais potente telescópio terrestre, o European Extremely. Para se ter uma ideia, as imagens captadas por ele serão 15 vezes mais nítidas do que as do famoso telescópio espacial Hubble. A missão desse telescópio será desvendar os mistérios da Via Láctea e dos buracos negros.

Mas enquanto os cientistas aguardam pelo Extremely, uma boa forma de olhar para o espaço aqui da Terra é utilizar os observatórios no Havaí. Devido à sua posição geográfica privilegiada, essa região foi transformada num centro de vigilância de ameaças que vêm do universo. É o que você também vai conferir nesta edição.

Física e tecnologia

Telescópios mais potentes para decifrar o universo

Telescópios mais potentes para decifrar o universo

Continuando a viagem, uma reportagem mostra os planos da Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês) para 2013. Entre as missões, está o envio de uma sonda para analisar estrelas e o projeto Swarm, que visa analisar o campo magnético da Terra, responsável por proteger o planeta de radiações vindas do universo. E para completar a exploração do espaço, uma entrevista com uma astrofísica britânica.

Ela trabalha no Instituto Max Planck de Física Extraterrestre, na Alemanha, e vai nos contar como é sua rotina e seu fascínio por esse trabalho.

O Futurando também vai falar de tecnologia. Uma das reportagens mostra que escolas situadas em ilhas no norte da Alemanha participam de um projeto-piloto, no qual aulas são ministradas por videoconferência. Como nas ilhas não há professores para todas as matérias, alguns cursos precisam ser feitos à distância. E se os testes forem bem-sucedidos, isso irá significar um passo importante em direção ao desenvolvimento dessa forma de ensino.

Não perca

Terceira idade mostra que sabe lidar com tecnologia digital

Terceira idade e a tecnologia digital

Ainda no campo da aprendizagem, a terceira idade prova que tem habilidade para lidar com as novidades do mundo digital. Em um curso especial, idosos aprendem a surfar na internet, enviar e-mails e telefonar com um tablet. Com isso, provam que não há limites para o aprendizado e que a idade pode ser apenas um detalhe.

Enquanto a tecnologia quebra novas barreiras todos os dias, alguns setores lutam para manter a tradição de trabalhos manuais, ou semiartesanais.

Uma matéria mostra uma tecelagem que ainda teares antigos, que necessitam da intervenção humana o tempo todo. Mesmo assim, a tecnologia consegue dar um jeito de ser necessária em algumas situações.

E o programa traz mais um show de imagens para você. Um artista reproduziu símbolos e formas geométricas na neve. Tudo isso a 3 mil metros de altitude e o resultado é incrível. Ficou curioso? Então não perca o próximo Futurando.

Assistir ao vídeo 27:04

Futurando 23

Leia mais

Áudios e vídeos relacionados