1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

ONGs criticam Banco Mundial e FMI

Diversas Organizações Não Governamentais (ONGs) acusaram o Banco Mundial e o Fundo Monetário Internaicional (FMI) de serem co-reponsáveis pelo aumento da pobreza no mundo. A presidente da organização Economia Mundial, Ecologia e Desenvolvimento, Barbara Unmüssig, chamou de "vertigem de etiquetas" o fato do Banco Mundial e do FMI considerarem o combate à pobreza como uma de suas prioridades. Em um estudo divulgado pela organização na última segunda-feira, em Berlim, foram criticadas as exigências feitas para que países em desenvolvimento se adaptem às estruturas das nações desenvolvidas.

Essas exigências, segundo as pesquisas das ONGs, estão ligadas a medidas de contenção de gastos no orçamento, à liberação do mercado e a privatizações. "A polarização causada por essas medidas provoca tensão entre camadas sociais diversas, fortalece movimentos extremistas e tira a legitimidade de sistemas políticos democráticos", resume o relatório final divulgado pela ONG Iniciativa por uma Revisão Participatória das Estruturas de Adaptação.