1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Oliver Kahn é elogiado por deslealdade e violência

Apesar de ter quase estrangulado um adversário, o goleiro Oliver Kahn recebeu elogios de técnicos e dirigentes.

default

Oliver Kahn em duelo, justificou sua fama de Rambo

O goleiro Oliver Kahn, capitão do Bayern de Munique e da seleção alemã, justificou sua fama de Rambo ao apertar o pescoço do atacante Thomas Brdaric, do Bayer Leverkusen, durante um jogo do Campeonato Alemão (28/09). Mesmo assim, só foi punido com um cartão amarelo, quando merecia no mínimo uma expulsão.

Esta atitude desleal de Kahn, que não é a primeira de sua carreira, provocou fortes reações de repúdio na torcida. Por causa das críticas, Kahn colocou à disposição seu cargo de capitão da seleção alemã, mas recebeu o apoio de vários técnicos e dirigentes.

Rudi Völler, técnico da seleção alemã, disse que são concordava com a falta cometida, mas que não abre mão da liderança do seu capitão. O técnico Ottmar Hitzfeld do Bayern de Munique, afirmou que Kahn continuará de qualquer jeito capitão do Bayern. E o vice-presidente do time, Karl-Heinz Rummenigge, foi mais longe: "Oliver Kahn não tem por que se arrepender; deve continuar sendo o mesmo".

Ou seja: será que o futebol está em vias de se tonar um esporte truculento, sem limites à violência? Será que Kahn tem razão ao afirmar: "Futebol é um esporte para homens"? O que você acha?

Leia mais