1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Oktoberfest faz sucesso também fora da Alemanha

Trajes típicos, bandas e muita cerveja: a Oktoberfest marca a imagem que se tem da Alemanha. Mas o mundo não fica apenas olhando. Seja em Blumenau ou Sydney, a Oktoberfest já se tornou há muito um produto de exportação.

Apesar de sua origem alemã, há muito tempo não é mais necessário viajar até Munique para vivenciar uma Oktoberfest. A festa original teve início neste sábado (22/09) na capital da Baviera. Mas os fãs de cerveja podem sentir o gostinho da famosa celebração em diversos lugares do mundo, como Brasil, Reino Unido, Estados Unidos, Austrália – e até mesmo no Oriente Médio.

No Brasil, a Oktoberfest de Blumenau acontece desde 1984 e é considerada uma das maiores festas alemãs fora da Alemanha. No início dos anos 1990, a celebração chegou a atrair 1 milhão de pessoas à cidade catarinense. Segundo os organizadores, no ano passado 564 mil pessoas participaram dos 18 dias de festa – que neste ano começa no dia 10 de outubro.

Além de experimentar a culinária alemã, os visitantes assistem a shows de música e danças típicas e, claro, tomam bastante cerveja. Durante os dias de festas são realizados desfiles no centro de Blumenau.

Brasilien Oktoberfest in Blumenau

Blumenau: nos anos 90 festa atraía mais de um milhão de visitantes

Sotaque inglês

Calça de couro (Lederhose, em alemão) e garçonetes usando típicos vestidos da Baviera (Dirndl) geralmente não são encontrados, por exemplo, nos Estados Unidos. De acordo com um censo de 2010, porém, cerca de 50 milhões de norte-americanos têm ascendência alemã. Por isso não é de se estranhar que o país também promova uma grande festa, a "Oktoberfest Zinzinnati", que acontece durante três dias na cidade norte-americana, no estado de Ohio.

Mesmo no Velho Continente, não se espera ouvir fora da região bávara a típica música tirada de instrumentos de sopro. Mas é exatamente esta música que se ouve na Bavarian Beerhouse de Londres. Este grande salão subterrâneo no centro de Londres fica aberto o ano inteiro.

Durante a Oktobersfest acontecem por lá algumas celebrações especiais. Enquanto a festa da cerveja de Munique dura pouco mais de duas semanas, na capital britânica os festejos duram quase dois meses. "Começamos com apenas duas semanas", conta a organizadora Jessie Kalkun, "mas ela se tornou tão popular que fomos estendendo cada vez mais. As pessoas adoram".

Do outro lado do mundo

Sydney: decoração, comida e cerveja típica

Sydney: decoração, comida e cerveja típica

Apesar de estarem a mais de 16 mil quilômetros de distância da Alemanha, os australianos também comemoram a festa da cerveja. Nas duas maiores cidades do país, Sydney e Melbourne, a Oktoberfest acontece em restaurantes, bares ao ar livre, cervejarias e até em universidades.

E a única versão no Oriente Médio da festa alemã da cerveja acontece em um pequeno vilarejo na Cisjordânia, chamado Taybeh. Há oito anos a comunidade cristã celebra a Oktoberfest com comida e músicas árabes, além da cerveja local, que também se chama Taybeh. Aliás a palavra Taybeh, em árabe, significa algo semelhante a "gostoso". Neste ano a Oktoberfest palestina será realizada nos dias 6 e 7 de outubro.

Uma das maiores tradições deixadas pelos imigrantes alemães em todos os lugares do mundo nos quais se estabeleceram, a Oktoberfest é sempre o melhor pretexto para se apreciar uma boa cerveja – de preferência, alemã.

Autoras: S.Stolarz/ C.Atkinson/ M.Santos
Revisão: Carlos Albuquerque

Leia mais