1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

Obra de Oscar Niemeyer é homenageada no Jeu de Paume

O mais famoso arquiteto brasileiro é festejado por jornal alemão, que aborda a exposição em sua homenagem no tradicional museu parisiense Jeu de Paume.

default

Museu de Arte Contemporânea de Niterói, uma das obras mais recentes de Niemeyer

"Não é exagerado dizer que o século 20 é a época de Oscar Niemeyer." Com estas palavras, o jornal alemão Süddeutsche Zeitung se refere ao brasileiro que, segundo a reportagem, é "um dos poucos arquitetos ainda vivos, capaz de dar formas originais a materiais simples, utilizando uma linguagem própria que foge do racionalismo das tradicionais construções arquitetônicas".

O talento de Niemeyer ganhou mais uma vez não só as páginas dos jornais internacionais, como também as prestigiosas casas de exposição européias. Nesta terça-feira (5), inicia-se uma mostra com 500 projetos do arquiteto no museu Jeu de Paume, em Paris.

Segundo o jornal, as formas exploradas pelo brasileiro em seus projetos, "absurdas sinuosidades em direção ao céu", é uma engenhosa aptidão do "primeiro arquiteto do biomorfismo". Inúmeras construções assinadas por Niemeyer são relembradas na reportagem para descrever as técnicas de arquitetura por ele utilizadas. Entre as mencionadas destacam-se, o edifício do Partido Comunista Francês (Paris), os monumentos no Parque Ibirapuera (São Paulo) e, como não poderia faltar, o conjunto arquitetônico de Brasília, do qual é ressaltada a catedral.

O arquiteto explica sua preferência pelas curvas: "As linhas retas não me atraem, pois são duras, não-dobráveis e criadas pelo homem." Além disso, ele busca inspiração na paisagem brasileira. "Sou atraído pelas sinuosidades das montanhas, curvas dos rios e irregularidades das nuvens", explica. Já para o diário alemão, a arquitetura de Oscar Niemayer mistura "formas rigorosas com lírica maciez, o que se resume a uma bela declaração de amor à natureza".

Niemeyer na Europa – A exposição na Galerie Nationale du Jeu de Paume baseia-se nos projetos arquitetônicos de Oscar Niemeyer, a partir de 1930. Ela ficará aberta até o final de março e documenta as técnicas de um grupo exclusivo de arquitetos, como Le Corbusier, o qual classificou os projetos de Niemeyer como "invenções de primeira linha". A mostra explora a engenharia e o design do arquiteto brasileiro em seus maiores projetos, principalmente na França e no Brasil, valendo-se de maquetes, projetos, fotos, desenhos e materiais audiovisuais.

Links externos