1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Cultura

O rock industrial da banda Oomph!

O rock alemão emplacou 2004 em grande estilo. O álbum "Wahrheit oder Pflicht" (Verdade ou Obrigação) da banda Oomph! conquistou as paradas e já é considerado uma "obra-prima" do rock industrial.

default

Dero, Crap e Flux

O sucesso do álbum Wahrheit oder Pflicht (Verdade ou Obrigação) já parecia premeditado desde o lançamento de sua primeira faixa, Augen auf, num CD single em meados de janeiro. Desde então, há sete semanas, ele não sai da lista dos dez mais vendidos e esta semana chegou a liderar o ranking. Lançado a menos de dez dias, o álbum já está em sua segunda semana na lista dos dez de melhor vendagem na Alemanha.

Mas o que tem esta banda de especial, para estar assim tão em evidência?

Oomph! é uma banda de apenas três integrantes: Dero (vocal), Flux (guitarra e sampling) e Crap (guitarra e teclados). Eles se encontraram no ano de 1989 em Wolfsburg, cidade sem tradição musical, mais conhecida pela matriz da Volkswagen.

A música do trio não se presta facilmente a rótulos. É uma mistura de gótico, metal, hard-rock e outros gêneros mais ou menos "sombrios", que caracterizam toda uma vertente do rock mundial.

Influência sobre Rammstein e escândalos

Lançado em 1992, o primeiro álbum da banda ( Oomph!) foi considerado a revelação do ano. A banda fez sucesso até nos Estados Unidos, onde o disco chegou ao terceiro posto na parada das rádios universitárias.

Com isto eles abriram o caminho para que outras bandas alemãs ficassem conhecidas internacionalmente, inclusive Rammstein, que não esconde ter sido influenciada pela música de Oomph!.

A trajetória artística de Oomph! está marcada por vários escândalos. O vídeo do single Sex! foi boicotado pela MTV por mostrar um casal de idosos fazendo sexo. O cartaz deste mesmo single, exibindo um pênis, foi considerado de mau gosto pelo Conselho Alemão de Publicidade.

Oito álbuns em doze anos

O ecletismo de Oomph! ficou evidente nos dois álbuns seguintes: Sperm (Esperma, 1993) e Defekt (Defeito, 1995). As músicas abordam diversos gêneros como metal eletrônico, industrial e metal dançante, mas não se limitam a nenhum deles.

A partir do álbum Wunschkind (Filho desejado, 1996) a banda intensificou suas turnês e participações em festivais na Europa. Em 1998, Oomph! lançou o álbum Unrein (Impuro) com a música Gekreuzigt (Crucificado), o primeiro hit a tocar nos clubes.

O sucesso chegou mesmo em 1999 com o álbum Plastik (Plástico), que contou inclusive com uma canja da musa esotérica alemã Nina Hagen na faixa Fieber (Febre). Com o sétimo álbum Ego (2001), a banda Oomph! chegou aos top 20 e percorreu toda a Europa em turnê com a banda gótica HIM.

Agressivo e irônico

No seu mais recente álbum ( Wahrheit oder Pflicht ), os três músicos da Oomph! resolveram reciclar a influência dos discos anteriores, a fim de buscar novos caminhos.

"Os textos voltaram a ser agressivos e irônicos, o que nos fez bem depois dos dois últimos álbuns introvertidos", admite o vocalista Dero.

O single Augen auf, com o qual a banda se mantém há sete semanas no topo da parada de sucessos, atesta as marcas características do rock de Oomph!: melodias agressivas, ritmo pungente, arranjos bem cuidados e sons eletrônicos sombrios.

Do ponto de vista temático, Wahrheit oder Pflicht é um disco eclético. Os textos refletem emoções e experiências, como afirmou Dero. Desde o melodrama de relacionamento Wenn du weinst (Quando você chora), passando pela paródia de Nietzsche Tausend neue Lügen (Milhares de novas mentiras) até divagações filosóficas como na faixa Im Licht (Sob a luz).

Leia mais

Links externos