1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

O escudo defensivo dos EUA na Polônia e na República Tcheca

Os Estados Unidos querem instalar um sistema antimísseis no Leste Europeu, a fim de rebater possíveis investidas dos "Estados vilões". A seguir, alguns fatos sobre o controvertido escudo defensivo.

default

Míssil interceptor norte-americano durante teste

– O sistema foi iniciado em 1984 pelo presidente Ronald Reagan. Seus críticos o apelidaram de "Programa Guerra nas Estrelas".

– O governo de George W. Bush retomou os planos. O pretexto é a suposta ameaça de ataque com mísseis por parte da Coréia do Norte ou do Irã.

– A Polônia deve ser o local para o sistema antimísseis, um radar será instalado na República Tcheca.

– O sistema detectará e interceptará diferentes tipos de mísseis, entre os quais atômicos, químicos e bacteriológicos. Os EUA supõem que entre 2011 e 2012 o Irã estará apto a lançar estes tipos de armas.

– O novo sistema antibalístico faria parte de um programa bilionário para frustrar ataques dos assim chamados "países vilões". Também nos EUA serão instalados até 25 sistemas antibalísticos.

– A Rússia considerou o sistema antimísseis uma ameaça a sua segurança nacional e ameaçou com medidas de represália. Outros críticos temem uma nova corrida armamentista.

– Os Estados Unidos gastaram, até 2006, um total de 92 bilhões de dólares em defesa antimísseis (segundo dados combinados da agência de notícias Reuters e da US-Missile Defence Agency).

Leia mais