1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

"O barril está aberto!": Oktoberfest começa em Munique

Ao meio-dia do sábado (21), o tradicional ritual se repete: de martelo em punho, o prefeito de Munique fura o primeiro barril de cerveja e anuncia em dialeto "O'zapft ist!", ou seja, "o barril está aberto".

default

A Oktoberfest de Munique começa em setembro

O desafio a toda Oktoberfest é superar a façanha do ano anterior: quase 50 mil hectolitros de cerveja, 351 mil frangos, 77 mil novilhos e muitos outros comes-e-bebes típicos, repartidos entre cerca de seis milhões de visitantes no ano passado. Nos próximos 16 dias, a 169ª Oktoberfest pretende bater todos estes recordes. Pelo menos no número de policiais e no preço da cerveja, que custará até 6,80 euros, já se sabe que a famosa festa popular bávara se superou em 2002.

Origem – Tudo começou no dia 12 de outubro de 1810, com o casamento do Príncipe Ludwig I (posteriormente coroado rei) com a Princesa Teresa da Saxônia-Hindburghausen. Cinco dias depois das núpcias, a Guarda Nacional realizou uma corrida de cavalos, para que a população também participasse dos festejos. No ano seguinte, a comemoração se repetiu no mesmo lugar, os campos que levam o nome da princesa, Theresienwiesen, popularmente conhecidos como Wiesn.

Cerveja bem depois – De Ludwig até o maior consumo coletivo de cerveja em festas populares ainda deveriam se passar algumas décadas. As primeiras Oktoberfeste eram festas agrícolas, com um parque de diversões e pouca cerveja. Só a partir de 1870 é que a festa se tornou uma instituição organizada profissionalmente. As barracas de cervejas só se estabeleceram em 1896.

Desfiles – O desfile dos festeiros, que abre o programa de eventos da festa, remete ao trajeto que os primeiros convivas tinham que fazer da cidade até os Wiesn, que na época ainda se localizavam fora do espaço urbano. O desfile de trajes típicos internacionais, os shows de folclore, as fanfarras e a missa ecumênica são eventos que foram se incorporando aos poucos ao repertório da festa.

Segurança – A polícia bávara mobilizou 400 policiais e duplicou o número de câmeras de vigilância para garantir a segurança da Oktoberfest, que, no ano passado, culminou com a detenção de 391 pessoas. A justificativa é a "crescente ameaça, mesmo abstrata" existente desde o 11 de setembro de 2001 em toda a Alemanha. Além dos riscos previsíveis de uma comemoração de massa, o medo não é tão infundado, sobretudo após o atentado a bomba de 1980, que deixou 13 mortos e 200 feridos.

Oktoberfest online – A internacionalização da Oktoberfest de Munique não se reflete apenas no programa de folclore internacional. A novidade deste ano é o website com a programação e o histórico detalhado do evento, um perfil de todas as barracas e um dicionário de dialeto bávaro para sobrevivência na festa, entre outras anedotas sobre a mais conhecida festa popular bávara.

Links externos