1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

O 17º dia de Copa nas redes sociais

Confira aqui as mensagens e fotos mais interessantes do dia postadas por jogadores, dirigentes e mídia esportiva sobre a Copa no Brasil.

Há exatos 62 anos, o Brasil comemorava o seu primeiro título mundial, na Suécia.

No jogo entre Holanda e México, a torcida holandesa invadiu Fortaleza.

Festa também para Dirk Kuyt, que fez a sua centésima partida pela Oranje.

Antes da partida, Arjen Robben apareceu com um colchão de yoga e um uniforme extremamente justo.

A partida na sauna de Fortaleza teve a primeira parada técnica de um mata-mata de Copa do Mundo. Só não foi a primeira de todos os tempos, porque a partida Nigéria e Bósnia, pela fase de grupos, também teve a pausa para a reidratação.

O goleiro mexicano Guillermo Ochoa teve outra atuação fenomenal. Até o astro da NBA Kobe Bryant sabe o apelido do muro mexicano.

Depois da eliminação, o presidente mexicano Enrique Peña Nieto elogiu a seleção e agradeceu pelo esforço dos jogadores e do treinador Miguel Herrera.

A Holanda estabeleceu um recorde na Copa do Mundo. Com a vitória em cima do México, os holandeses conseguiram a terceira virada neste Mundial (5x1 na Espanha, 3x2 na Austrália e 2x1 no México) e formam a equipe com maior número de viradas em um mesmo Mundial.

O domingo foi um dia recordes. Com o gol de Klaas-Jan Huntelaar, já são 25 os anotados por jogadores que entraram no decorrer da partida. Recorde absoluto em Mundiais.

Recorde também no número de gols feitos pelos capitães das seleções. Com o gol de Bryan Ruiz contra a Grécia, subiu para 19 a estatística atual. O recorde anterior era de 16, na Copa de 1982.

Mais recordes? Tem sim! Pela primeira vez na história a Copa do Mundo tem duas disputas de pênaltis nas oitavas de final.

Com os resultados de hoje pelas oitavas de final, a Colômbia e a líder provisória do ranking da Fifa!

A vitória brasileira foi comemorada por Bastian Schweinsteiger e Lukas Podolski, na base alemã na Bahia. Ou foram obrigados a comemorar?

Schweinsteiger, aliás, já se encontrou com o ex-companheiro de Bayern de Munique, o meia brasileiro Zé Roberto, e trocou camisas autografadas.

E Lukas Podolski ficou sentado na beirada do campo, assistindo os colegas no treinamento. Uma fisgada na coxa o tirou do jogo contra a Argélia.

A seleção dos Estados Unidos já está em Salvador. Visual chato na hora do pouso, hein?

O adversário dos EUA, a Bélgica, agradeceu pela hospedagem em Mogi das Cruzes e também saiu para a capital baiana.