1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Copa do Mundo

Novo ranking da Fifa confirma cabeças de chave da Copa

Fifa define que os sete primeiros do ranking são cabeças de chave no Mundial e estabelece, assim, que Holanda, Itália ou Portugal, caso se classifique, e França podem figurar no grupo do Brasil.

A Fifa divulgou nesta quinta-feira (17/10) o ranking que servirá de base para a definição dos cabeças de chave no sorteio da Copa do Mundo de 2014. Os sete primeiros colocados mais o Brasil – que ficou de fora do Top 10 – não poderão se enfrentar na primeira fase do Mundial. O evento que define os grupos será no dia 6 de dezembro, na Costa do Sauípe.

Na lista da Fifa, que é divulgada mensalmente, apenas a Espanha, líder na pontuação, manteve a mesma posição da edição passada. Ao lado dos espanhóis, também serão cabeça de chave Alemanha (2ᵒ), Argentina (3ᵒ), Colômbia (4ᵒ), Bélgica (5ᵒ) e Suíça (7ᵒ).

A seleção uruguaia, sexta colocada no ranking, completa a lista dos países cabeças de chave se passar pela Jordânia na repescagem. Caso contrário, a Holanda, oitava no ranking e com uma vantagem apenas decimal sobre a Itália, assume tal condição.

Além do ranking, a Fifa adotará "critérios geográficos" para definir a composição dos "potes" para o sorteio dos grupos da Copa, durante uma reunião que será realizada três dias antes do evento. O objetivo é evitar que duas ou três seleções do mesmo continente sejam sorteadas no mesmo grupo.

Se a Fifa seguir o mesmo critério para a definição dos quatro potes usado na Copa de 2010, o "Pote 2" teria hoje a presença de Holanda, Itália, Inglaterra, Grécia, Croácia, Rússia (que ainda disputam a repescagem) e Bósnia.

Isso significa que a França, ranqueada apenas na 21ᵃ posição, estaria no "Pote 3" possibilitando um "grupo da morte": Brasil, Itália, França e Gana. Por outro lado, também é viável um grupo mais fácil, com Brasil, Grécia, Irã e Burkina Faso. Vale lembrar que a África ainda não definiu seus cinco participantes.

Ranking Fifa (entre parênteses a posição na edição anterior):

1 (1) – Espanha - 1.513 pontos
2 (3) – Alemanha - 1.311
3 (2) – Argentina - 1.266
4 (5) – Colômbia - 1.178
5 (6) – Bélgica - 1.175
6 (7) – Uruguai - 1.164
7 (14) – Suíça - 1.138
8 (9) – Holanda - 1.136
8 (4) – Itália - 1.136
10 (17) – Inglaterra - 1.080
11 (8) – Brasil - 1.078
12 (16) – Chile - 1.051
13 (13) – Estados Unidos - 1.040
14 (11) – Portugal - 1.036
15 (12) – Grécia - 983
16 (18) - Bósnia - 925
17 (19) - Costa do Marfim - 917
18 (10) – Croácia - 901
19 (15) – Rússia - 874
20 (26) – Ucrânia - 871
21 (25) – França - 870
22 (20) – Equador - 862
23 (24) – Gana - 860
24 (21) – México - 854
25 (22) – Suécia - 850
26 (23) - Dinamarca - 824
27 (32) – República Tcheca - 783
28 (43) – Sérvia - 778
29 (31) – Romênia - 767
30 (29) – Eslovênia - 752