1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Mundo

Navio com quase mil refugiados chega à Itália

Embarcação teria sido abandonada no Mar Adriático e só não se chocou contra a costa porque a Guarda Costeira italiana interveio. Maioria dos passageiros é da Síria.

Um navio cargueiro com quase mil refugiados chegou à Itália nesta quarta-feira (31/12), depois de a embarcação, segundo a Cruz Vermelha, ter sido aparentemente abandonada pela tripulação no Mar Adriático.

Os imigrantes eram principalmente sírios. Eles estavam amontoados no navio Blue Sky, de bandeira moldávia, quando chegaram à Itália, depois que a embarcação foi detectada pela primeira vez perto da costa de Corfu, na Grécia.

"O navio foi abandonado pela tripulação em águas abertas", disse Mimma Antonagi, porta-voz da Cruz Vermelha Mimma Antonagi. "Se as autoridades italianas não tivessem subido a bordo, ele teria se chocado contra a costa."

Segundo a Cruz Vermelha, o navio, que partiu da Turquia, teria sido abandonado no Estreito de Otranto, que separa a Itália da Albânia.

Italien Gallipoli Ankunft Migranten auf Frachter Blue Sky M 31.12.2014

Cerca de 970 pessoas estavam a bordo quando o navio chegou à cidade portuária de Gallipoli

Autoridades italianas foram levadas ao navio depois que o cargueiro deixou as águas gregas. O objetivo era verificar se a embarcação poderia navegar com segurança. De acordo com a Guarda Costeira, 970 pessoas estavam a bordo quando o navio chegou à cidade portuária de Gallipoli.

Ao chegarem ao porto, várias pessoas foram transferidas para o hospital de Gallipoli. Segundo a imprensa local, não houve nenhum caso grave.

O pedido de auxílio ocorreu em uma zona marítima próxima ao local onde, no domingo, houve o incêndio na balsa italiana "Norman Atlantic", no qual pelo menos 11 pessoas morreram e ainda há a suspeita que dezenas estejam desaparecidas.

RPR/ap/rtr