1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Esporte

Número de gols diminui e público aumenta na Bundesliga

A 43ª temporada da Bundesliga não teve tantos gols como as anteriores – foram 861 tentos, média de 2,814 por partida –, mas o público que compareceu aos jogos é recorde: mais de 12 milhões de espectadores.

default

O artilheiro Miroslav Klose, do Werder Bremen e da seleção alemã, marcou 25 vezes

O número de 861 gols marcados na temporada 2005/06 do Campeonato Alemão ficou abaixo do total da edição passada, quando as redes balançaram 890 vezes, e não ultrapassou a esperada marca de 900 gols.

Em apenas cinco temporadas, foram marcados menos gols do que nesta 43ª. O campeonato de 1994/95 foi o último com média superior a três gols por partida.

Depois de três temporadas, a artilharia do torneio voltou a ser alemã: Miroslav Klose, atacante do Werder Bremen e da seleção, marcou 25 vezes. Na temporada 2004/05, o artilheiro foi Marek Mintal, do Nürnberg, com 24 gols. O último alemão a conquistar a artilharia da principal competição do futebol da Alemanha havia sido Martin Max, do 1860 Munique, em 2001/02.

Público recorde

A Bundesliga registrou público recorde na edição 2005/06. Foram 12.477.191 espectadores, média de 40.775 torcedores para as 306 partidas. O recorde era da temporada anterior, quando 37.781 pessoas, em média, compareceram aos estádios para assistir aos jogos.

O recordista de público foi o Bayern de Munique, campeão da temporada. O novo estádio Allianz Arena esteve lotado em todos os jogos da equipe. Média de público: 67.641 torcedores.

Expulsões e recordistas

O número de expulsões caiu: 59 jogadores foram mais cedo para o vestiário (26 cartões vermelhos e 33 cartões amarelos seguidos do vermelho). Na temporada anterior, 61 jogadores haviam sido expulsos.

Mehmet Scholl, do Bayern de Munique, comemorou seu oitavo título de campeão alemão, recorde na história da competição. O francês Bixente Lizarazu foi campeão pela sexta vez, igualando-se ao ganense Sammy Kuffour, que deixou o Bayern em 2005. Eles são os estrangeiros com o maior número de títulos do torneio.

Sobe e desce

Bochum, Alemannia Aachen e Cottbus conquistaram o direito de subir para a Primeira Divisão da Bundesliga na próxima temporada. Kaiserslautern, Colônia e Duisburg foram rebaixados e disputarão a Segundona.

O Alemannia Aachen voltou à Primeira Divisão depois de 36 anos. O Cottbus, clube do leste alemão, retornou à elite. A equipe disputou três temporadas antes de ser rebaixada, em 2003.

O Bochum, que se sagrou campeão da Segundona, tem tradição na Primeira Divisão – chegou a ficar em 5º lugar na temporada 2003/04.

Leia mais