1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Sua Opinião

MULHERES: CRECHE OU FOGÃO?

Os temas focalizados por nossos usuários esta semana foram: o papel da mulher na sociedade, o cinema alemão, escuta telefônica, Irã, o grupo Kraftwerk, Hiroshima, Dresden e as declarações de Putin. Vale a pena ler!

default

Ursula von der Leyen, ministra alemã da Família

Pelo menos está havendo essa polêmica, e quem sabe um dia alguma coisa muda.O que não é possivel é um país desenvolvido ter até hoje essa postura de que a mulher tem que ser sempre dona de casa. Isso não é bom nem para a criança nem para as mães, pois as mães muitas vezes têm depressão por ter que ficar só em casa, e as crianças sentem-se solitárias, pois precisam de outras criancas para brincar e não somente ficar vendo televisão. Espero que as autoridades não ignorem esse assunto e aproveitem a discussão para melhorar alguma coisa.
Juliane Miranda

Me surpreendi muito com a discussão em torno do assunto, pois não achava que a Alemanha fosse tão conservadora nesse aspecto. A maternidade não pode ser um empecilho à realização profissional das mulheres. Suponho, por outro lado, que os homens não tenham interesse nenhum em facilitar a vida das mulheres, pois para eles é mais concorrência pela frente.
Marcia Almeida

O que eu acho dessa polêmica? Prá dizer a verdade, até agora não entendi o porquê dessa discussão. Pelo que entendi, a ministra da Família quer apenas aumentar o número de vagas nas creches! Até agora não li nada a respeito de que ela quer obrigar as crianças à freqüência das mesmas. As mães terão a oportunidade de usar ou não este serviço. Em princípio, acho a idéia ótima.
Mariana Lima

FAMÍLIA E SOCIEDADE

Considero extremamente importante que a sociedade incentive para que os pais fiquem mais tempo com suas respectivas famílias, ao invés de fazerem tantas horas extras ou assumirem responsabilidades laborais que prejudiquem a convivência familiar.
Roberto Cunha


CINEMA ALEMÃO

Em Portugal sabe-se muito pouco sobre o cinema alemão. Não tem havido suficiente divulgação. No tempo de Fassbinder prestava-se mais atenção a esta realidade. Por exemplo, a serie Heimat, de Edgar Reitz, que teve aqui muita projeção. O filme Das Leben der Anderen (A Vida dos Outros) é a prova de que há uma realidade cinematográfica pouco divulgada nas salas portuguesas. Em Lisboa está apenas numa sala de pouca expressão, a crítica não lhe dá absolutamente nenhuma importância, pois está concentrada essencialmente no cinema de Hollywood. Eu estaria interessado numa ação para maior divulgação do atual cinema alemão.
Frederico Brotas de Carvalho

Achei ótimo o filme alemão A Vida dos Outros ter ganho um Oscar, pois o cinema europeu merece mais atenção internacional. Já está mais do que na hora de termos outras alternativas para as baboseiras de Hollywood.
Luís Fontes

Infelizmente, o filme alemão é pouco divulgado no Brasil, especialmente no Nordeste. Um dos filmes mais conhecidos para mim ainda continua sendo Corra, Lola, Corra.
Maxmiana Lemos

JORNALISTAS E ESCUTA TELEFÔNICA
Eu não acho que jornalistas devem ser protegidos da escuta telefônica O que faz do jornalista um profissional mais importante que os outros, para que ele esteja acima da lei que rege todos os cidadãos? É muito fácil, dessa forma, se utilizar dessa proteção para conseguir informações de forma ilícita e corrupta, sem que possa ser descoberto e responder por seus atos. Não acho que liberdade de imprensa signifique acesso irrestrito a tudo sem as devidas implicações legais.
Natália Assis

IMPASSE NUCLEAR COM O IRÃ

Achei as considerações sensatas e reflexivas, o ponto de equílibrio para início de negociações justas e, provavelmente, duradouras. Isolar o Irã não vai resolver a questão, e o reflexo de ataques será vivido em todo o Oriente Médio, e com certeza não será bom para ninguém.
Adenilson Cassimiro de Lima

KRAFTWERK

Olá. Tenho 21 anos e por ventura descobri o Kraftwerk há alguns anos, vendo na mtv brasil um videoclipe do grupo. Apesar de já ter ouvido muitos ritmos de tecno de grupos da era atual, como Prodigy , Orbital , The Chemical Brothers , o Kraftwerk me chamou especial atenção. A geração de que eu faço parte dificilmente aceitaria as músicas do Kraftwerk, mas ouvindo o atual disco da banda, o Tour de France, consegui trazer um amigo para os fãs do Kraftwerk.

O que eu quero dizer é que vejo neste grupo alguma coisa mágica, que encanta, diferente dos grupos tecnos modernos. O Kraft é algo que gostaria de guardar para sempre, e quando eu ficar velho, ouvi-lo outra vez e pasmar: nossa, como soa moderno!
Warner

DRESDEN

Parabéns pela matéria sobre Dresden. Eu, como muitos outros fora da Alemanha, com certeza, não tinha idéia do descabido bombardeio a Dresden e das proporções da sua absurda destruição pelos Aliados. A história oficial é sempre contada pelos vencedores, que não revelam suas próprias atrocidades, vide Hiroshima e Nagasaki, ou a Coréia, ou o Vietnã, ou o Iraque etc. A memória dos fatos – sejam eles quais forem – não pode ser perdida, sob pena de andarmos às cegas pela vida e ao sabor dos ventos. Os nazistas não foram os únicos carrascos da história.
Romilda

HIROSHIMA E NAGASAKI

Um crime de guerra desnecessário. Um crime contra a humanidade. Mais cruel que as experiências médicas dos nazistas com os prisioneiros de guerra. Mas, mesmo assim, menos cruel do que a destruição de Dresden e o bombadeio de Tóquio com bombas incendiárias.
Guilherme U. v. Calmbach

JUDEUS NA ALEMANHA

Sem dúvida, o retorno de judeus para a Alemanha, a ordenação de rabinos, a crescente comunidade judaico-alemã nos dá um indicativo de que a nação alemã está aceitando, mesmo com algumas restrições, a formação de uma nova comunidade teuto-judaica. Os judeus merecem essa nova chance, depois do massacre coletivo da Segunda Guerra Mundial, o extermínio em massa desse povo. Este resurgimento prova a tenacidade, a vontade de viver e de se integrar novamente à sociedade germânica. Oxalá que eles tenham um destino melhor desta vez e possam juntar-se totalmente àquela sociedade, sem preconceitos, sem nenhum tipo de discriminação por questões étnicas ou religiosas. São meus sinceros votos!
Pedro


DECLARAÇÕES DE PUTIN

Ele tem toda razão ao dizer que os EUA estão passando dos limites. Já passaram há muito tempo, e é necessário que exista no mundo governos capazes de peitar essa afronta mundial que os EUA fazem todos os dias. Eles acham que são donos do mundo. Fazem o que querem e não há resistência. A Rússia é um país capaz de unir ou fazer um bloco de países para enfrentar a expansão americana, senão, daqui a pouco, todos seremos colônias americanas.
Reinaldo Morais









Leia mais