1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Alemanha

Morre a mulher mais velha da Alemanha

Maria Laqua tinha 112 anos e faria aniversário nesta terça-feira (12/2).

A três dias de seus 113º aniversário, Maria Laqua morreu sábado em Bad Hönningen. Ela era a mulher mais velha da Alemanha. Há 35 anos vivia num asilo de idosos. Conforme a instituição informou nesta segunda-feira, Maria jantou no sábado e em seguida dormiu normalmente, não acordando mais.

Nos últimos anos, Maria não enxergava mais, não saía da cama e dependia da assistência de enfermeiras. No entanto, não sofria de qualquer doença grave. No asilo já se preparava seu aniversário, que contaria inclusive com mensagem de felicitações do presidente federal, Johannes Rau.

Maria é das poucas pessoas que viveu em três séculos. Nasceu em 1889 no povoado de Rheydt, hoje distrito de Mönchengladbach, no oeste da Alemanha, um ano depois do imperador Guilherme I subir ao trono. Seu pai era operário. A anciã teve 12 irmãos. Trabalhou como doméstica. Seu marido, o serralheiro Karl, morreu em 1958. Antes disso, o casal perdera os dois filhos, que tombaram lutando na Segunda Guerra Mundial.

Maria era torcedora fiel do Borussia Mönchengladbach e, durante muito tempo, acompanhou os jogos de seu time pelo rádio, assim como os da Seleção Alemã.

Segundo a presidência federal, existem no país mais duas mulheres com 112 anos, três com 110 e cinco com 109. Por tradição, o chefe de Estado da Alemanha envia anualmente votos de feliz aniversário a todos os alemães a partir dos 105 anos. Em 2001, o correio entregou 3757 cartões de parabéns da presidência para cidadãos centenários.