1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Ministros do G7 lançam plano de ajuda a países endividados

Os ministros das Finanças dos países do G7 anunciaram, em Washington, um plano de ação conjunta para ajudar os países endividados a solucionar a crise.

default

Plano visa evitar crises como a da Argentina

O documento, assinado neste sábado (20) pelos ministros dos sete principais países industrializados do mundo, foi elogiado pelo presidente do Bundesbank (banco central alemão), Ernst Welteke. Segundo ele, o plano de ação constitui um passo fundamental para resolver o problema do endividamento internacional. Entre outras coisas, prevê a inclusão futura de uma cláusula adicional nos contratos de crédito, contendo instruções precisas para o caso de uma eventual renegociação da dívida.

Além disto, as futuras reestruturações de dívidas poderão ser logradas com o apoio da maioria dos credores. Atualmente, isto só é possível com o assentimento de todos os credores. Isto eliminará a dependência dos países devedores, em relação ao arbítrio dos seus credores.

Os ministros de Finanças do G7 (Estados Unidos, Canadá, Grã-Bretanha, França, Itália, Japão e Alemanha) desejam que o Fundo Monetário Internacional (FMI) faça análises precoces do endividamento dos países-membros, a fim de que uma eventual insolvência possa ser evitada a tempo. Os ministros declararam-se, além disto, favoráveis à proposta do FMI, de iniciar um processo de insolvência para países altamente endividados. Com isto, eles poderiam suspender o pagamento dos serviços das dívidas, ganhando espaço para uma reestruturação das suas finanças.