Ministro quer maior austeridade para conter déficit | Notícias e análises sobre a economia brasileira e mundial | DW | 16.02.2002
  1. Inhalt
  2. Navigation
  3. Weitere Inhalte
  4. Metanavigation
  5. Suche
  6. Choose from 30 Languages

Economia

Ministro quer maior austeridade para conter déficit

Após ter tido sucesso em impedir que a União Européia o advertisse oficialmente devido ao aumento do déficit público alemão, o governo social-democrata e verde dá seu primeiro sinal de reação para conter o endividamento. Na edição da revista Der Spiegel, que chega neste fim de semana às bancas, o ministro das Finanças, Hans Eichel (SPD), anuncia um novo programa de austeridade.

Para isto, ele conta com a retomada do crescimento econômico. "Vamos aproveitar a melhora da conjuntura para realizar novos esforços", diz o ministro no principal semanário alemão. Eichel quer que a iniciativa não seja apenas da União, mas também dos estados, municípios e da seguridade social. A Baviera e a Baixa Saxônia já reagiram com reservas à idéia de novas reduções orçamentárias.

De acordo com a revista, os planos de Eichel priorizam cortes na assistência aos desempregados e no setor de saúde. O Ministério das Finanças considerou tais informações "pura especulação".

Leia mais